Criar aplicativos a partir de protótipos é um grande problema. Arrastar caixas pela tela e selecionar fontes já é difícil o suficiente. Então, uma vez que o designer termina, um programador tem que conectar tudo isso em um código back-end.

Um novo aplicativo chamado Anima visa resolver esse problema transformando designs importados de aplicativos populares como o Figma em código funcional.

Os casos de uso para um aplicativo como este são inúmeros. Ser capaz de enviar código React Javascript para o seu desenvolvedor após arrastar e soltar algumas imagens e botões simples parece muito melhor do que enviar um arquivo de Photoshop ou uma apresentação em PowerPoint para ele fazer todo o trabalho (e acredite, isso acontece). O que o Anima faz é surpreendente, pois cria pedaços reutilizáveis ​​de dados repetitivos, permitindo que você crie interfaces automaticamente.

Captura de tela: Anima

Por exemplo, veja este pedaço de HTML. Quando você gera código para esta caixa, o sistema automaticamente percebe que existem quatro botões semelhantes e gera um código simples para gerar cada um programaticamente.


Este exemplo específico é obviamente um pouco simplista, e o código que o aplicativo gera é limitado ao que é fornecido — ele ainda não pode construir aplicativos da web complexos para você. Mas o importante é que você pode facilmente substituir os botões por outros gerados automaticamente, conforme necessário.

“O código que serve de base para os protótipos do Anima permite que designers e desenvolvedores finalmente falem a mesma linguagem”, disse o cofundador Or Arbel sobre o aplicativo.