Lembra da época das mixtapes? Escolher cuidadosamente um grupo coerente de músicas e colocá-las em uma ordem na qual elas façam mais sentido… O Dragontape é isso para vídeos. Só que bem mais fácil, e com integração com YouTube e SoundCloud.

O que você faz no Dragontape é rodar uma busca no YouTube e arrastar os vídeos que você quiser para uma timeline (pense no iMovie para iOS, mas bem simplificado), na ordem que quiser, fazendo os cortes que achar necessário. Com isso dá pra juntar os seus cinco clipes favoritos do White Stripes num único vídeo. Ou do Restart. O Dragontape não julga.

Mas se você escolher um assunto menos musical para brincar de fazer uma vídeo coletânea e achar que precisa dar um capricho na trilha sonora, pode rodar também uma busca por músicas no SoundCloud para compor a sua trilha sonora. O SoundCloud não é ruim, mas o mais legal aqui seria ter uma segunda busca no YouTube, que usasse apenas o áudio – afinal, o YouTube em si tem bem mais músicas que o SoundCloud. Até mesmo um Grooveshark já quebraria o galho bem melhor.

Ao final, claro, você pode e deve compartilhar a sua obra de arte com os seus amiguinhos pelo Facebook ou Twitter através do próprio app. O vídeo acima? Fui que fiz, pra testar. É uma coletânea com sete vídeos engraçadinhos relacionados a Team Fortress 2, o melhor jogo online grátis que você não está jogando. Acredito que a sua vida vai ficar melhor com ele.

O Dragontape é o tipo de app em que, mais do que nos outros, o esmero na interface dita a qualidade da experiência. Digo isso porque a tarefa que ele propõe ao usuário não é exatamente comum, então o seu funcionamento precisa ser claro. Felizmente, nenhuma reclamação nesse sentido. A interface é o que mais chama atenção logo de cara – especialmente no iPad – e torna gostosa a utilização do app. Se você curte mostrar um monte de vídeos aos seus amigos, vale a pena experimentar.

Até por que “a pena”, neste caso, praticamente não existe. O Dragontape é grátis. [iTunes]