Durante a WWDC 2020, conferência anual para desenvolvedores, a Apple apresentou alguns recursos do iOS 14, a próxima versão do sistema operacional do iPhone.

Como destaque, a empresa facilitará a organização de apps, disponibilizará mais widgets para fornecer rápido acesso a informações e terá um modo picture in picture, permitindo ver vídeos enquanto se faz outras atividades.

O iOS 14 deve ser liberado em setembro, quando a Apple tradicionalmente lança um novo smartphone, e ele será compatível com todos iPhones a partir do iPhone 6s.

App Libary

Após instalar um monte de apps, é comum que o dono do iPhone mantenha várias “áreas de trabalho”, deixando os aplicativos lá, sem mexer muito, Com o recurso App Library, a Apple organizará automaticamente estes apps para o usuário. Também será possível ocultar páginas da tela inicial que são pouco acessadas.

No topo da nova página inicial, haverá um campo de buscas do app. Logo abaixo à esquerda, o sistema reunirá sugestões de apps com suas opções mais usadas, e à direita os últimos apps instalados.

Tela do iOS 14 com apps e widgets

Widgets

O iOS já tem widgets há um tempo, mas agora os desenvolvedores poderão criar opções com diferentes tamanhos. O interessante é que o usuário conseguirá tranquilamente fixar um widget na tela inicial.

widgets no ios 14

É interessante, pois parece que houve uma leve inspiração no Android. Boa parte das distribuições conta com um widget na página inicial com o horário e a previsão do tempo.

Picture in picture

Se você estiver utilizando o iPhone e quiser ver um vídeo enquanto faz outra coisa, isto não é possível atualmente. Com o picture in picture, o iOS 14 permitirá que o usuário assista algum show em uma telinha enquanto acessas as redes sociais, por exemplo.

Siri

Como nos anos passados, a Siri agora tem uma nova interface gráfica e está mais esperta. Em modelos anteriores do sistema, ao acionar a Siri, ela ocupa toda a tela para ouvir a solicitação. Agora, aparecerá um sinal discreto na parte de baixo da tela quando ela for ativada, e a resposta passará a ser exibida na parte superior da tela, como se fosse uma notificação.

A companhia também revelou que a Siri tem 20x mais informações que antes. Então, ela poderá responder perguntas como “por que os flamingos são rosas?”ou “como funcionam os carros híbridos?”.

Siri iOS 14

Pegando um pouco de inspiração no Google, a assistente da Apple contará com recursos de tradução, inclusive com um modo conversação. Assim, pessoas de idiomas distintos poderão falar uma de cada vez e a assistente traduzirá o diálogo.

Siri tradutora no iOS 14Siri vai traduzir em português

Mensagens

Se você utiliza o app Mensagens, saiba que ele está cada vez mais parecido com o WhatsApp. Nas conversas em grupos, será possível mencionar as pessoas e comentar sobre alguma parte específica do diálogo. Também como no WhatsApp, você poderá destacar pessoas para ficarem fixas no topo da lista de conversas.

E para que curte os Memojis, a Apple adicionou novos cabelos, acessórios e até opção para incluir máscara facial, já que estamos em tempos de pandemia.

Memoji iOS 14

Mapas

Aos poucos, a Apple tem incluído novas funcionalidades ao seu app de mapas. Desta vez, Reino Unido, Irlanda e Canadá ganharão funcionalidades como o Look Around, que é a resposta da Apple para o Street View do Google.

Apple Mapas no iOS 14Apple Mapas passará a dar dicas de locais

Em algumas cidades, o app também ganhará rotas de bicicletas, então ele indicará se há muito trânsito e priorizará caminhos com ciclovias e que não tenha tanta elevação. As primeiras cidades a terem isso são: Nova York, Los Angeles, San Francisco, Pequim e Xangai.

Outra adição é a localização de estações para carregamento de carros elétricos, que a empresa diz estar incluindo nas cidades disponíveis.

CarKey: abrindo o carro com o iPhone

Com fabricantes de carro cada vez mais criando soluções para smartphones para conectá-los aos carros, já era hora do telefone e automóvel se comunicarem melhor. No iOS 14, a Apple apresentou o CarKey, que permite desbloquear o carro com um iPhone, sem a necessidade de usar a chave convencional do veículo.

O primeiro carro a suportar a tecnologia será a BMW 5 Series 2021, que começará a ser vendida em julho nos EUA. A configuração, segundo a Apple, é tão simples quanto emparelhar o iPhone com um carro com CarPlay. Na próxima vez que for abrir o carro, basta segurar o iPhone ou o Apple Watch perto de um receptor NFC embutido na porta e usar o Face ID ou Touch ID para confirmar sua identidade.

Além do CarKey, a Apple atualizou o CarPlay com suporte a papéis de parede personalizados e várias novas categorias de apps, incluindo de estacionamento, de carregamento de veículos elétrico e de alimentação.

App Store

Para facilitar o acesso a determinados apps, a Apple introduziu o que eles chamam de App Clips.

De forma resumida, é uma versão menor de um aplicativo, com menos de 10 MB, que os usuários poderão ter acesso para checar alguma informação. Imagine que o cardápio de uma cafeteria está disponível só em um app. Em vez de instalar um app completo, a loja poderá oferecer um QR Code ou uma tag NFC para você baixar uma versão menor e consultar o que você quiser.

App Clip no iOS 14

Posteriormente, óbvio, o usuário poderá baixar o app completo, mas a ideia dos App Clips é promover o acesso rápido e, de alguma forma, proporcionar uma forma fácil de os usuários conhecerem apps novos.