Ano passado, um jovem de 22 anos fracassou ao velejar pelo rio Mississipi em um barco feito de caixinhas Tetra-Pak. Agora, um aventureiro ecológico ainda mais ambicioso tentará uma jornada de quase 18 mil km sobre um barco feito de garrafas plásticas.

No momento, entre 12 e 16 mil garrafas de 2 litros estão sendo coletadas para preencher os dois cascos paralelos da embarcação Plastiki. Cada garrafa será pressurizada usando pó de gelo seco, que então sublimará para dióxido de carbono. Se tudo sair como planejado, a embarcação transportará quatro tripulantes na viagem de quase 18 mil km começando agora em abril de São Francisco, Califórnia, até Sydney, Austrália, para então ser desmontada e reciclada ao final da viagem. Aparentemente, apenas os mastros do barco são de metal, deixando os demais 90% como materiais reciclados.

É claro que é perigoso, mas o design é obviamente mais profissional (e menos arriscado) que o barco de caixinhas de papel que seu predecessor de 22 anos de idade emendou junto com seu pai. Eu chuto que o resultado será muito melhor desta vez. [CNN and Architecture for Humanity]