Pesquisadores do California Institute of Technology (Caltech) podem ter descoberto o Santo Graal de roupas que carregam a bateria de gadgets, graças a uma descoberta recente que poderia produzir microfibra flexível e barata com células solares.

A equipe, comandada por Harry Atwater, diz que as células solares flexíveis usam apenas 1% do silício usado em uma célula solar comum com a mesma produção de energia. Além disso, a célula flexível faz isso com apenas 5% do tamanho de uma célula normal. A base que sustenta os fios de silício, com micrômetros de espessura, também é reutilizável, reduzindo ainda mais os custos de uma possível calça jeans solar no futuro. E, o que é ainda melhor, as células da Caltech são eficientes, refletindo apenas cerca da metade da energia que uma célula "tradicional" de mesmo tamanho.

Então elas são pequenas, flexíveis e baratas. Parece perfeito, mas será que elas funcionam no mundo real? Pouquíssimas delas passaram nesse teste. Bem, se elas não funcionarem, ainda teremos folhas de tabaco movidas a energia solar para nos ajudar.

Também podemos contar com os caras da Sandia Labs, que estão fazendo a mesma coisa que a equipe da Caltech, só que mais bonito (a imagem acima é deles). Enfim, o futuro das roupas com energia solar parece ter luz (ou folhas?) no fim do túnel. [New Scientist]