A Microsoft deixará de oferecer Clip Arts. Como alternativa, a empresa indica aos usuários que usem o Bing Imagens. O que é uma boa, porque é o que todos já fazemos mesmo – só trocando “Bing” por aquele outro buscador lá.

Durante anos, o acervo de Clip Arts da Microsoft foi uma forma de se conseguir imagens rapidamente para ilustrar apresentações do PowerPoint e textos do Word. A Internet eliminou a necessidade de que o software viesse com essas imagens pré-instaladas e, de fato, a Microsoft já havia migrado sua coleção de Clip Arts para um portal.

Mas aí as pessoas pararam de visitar esse cantinho virtual dos Clip Arts, de acordo com a Microsoft. A grande suspeita é de que elas migraram em massa para a pesquisa por imagens do Google, então faz sentido que a Microsoft tente, ainda que sem muita esperança de sucesso, fazer as pessoas usarem a sua solução de pesquisa por imagens.

Caso você queira uma foto ou desenho bonitão para ilustrar um relatório feito no Word, a Microsoft fornece instruções detalhadas de como consegui-la sem quebrar a lei. Basicamente, certifique-se de que as imagens estão licenciadas sob Creative Commons ou outro método que permita a reutilização.

Descanse em paz, Clip Art. Não sabíamos que sentiríamos sua falta até você sumir de vez. [Microsoft]