Hoje em dia, aficionados em tecnologia estão obcecados com criptografia de ponta. Mas se você mandar uma carta pelo correio, pode seguir uma dica apresentada pela inteligência dos Estados Unidos. A CIA manda cartas seguras com um tipo especial de fita a prova de violação, pense nela como uma espécie de criptografia analógica, e nós sabemos exatamente que tipo a CIA usa.

• A tal brecha de criptografia do WhatsApp? É bem mais complicada do que isso
• Cartas codificadas contam parte da história do fim da era dos samurais no Japão

Quando você pede uma informação por meio da Freedom of Information Act (FOIA) – lei americana de acesso à informação –, eles geralmente mandam cartas físicas pelo correio. Quando eu recebi minha primeira carta de resposta da CIA, eu fiquei um pouco impressionado ao ver a velha tecnologia anti espionagem na parte de trás do envelope. Como você pode ver nas fotos acima e a abaixo, não tem como abrir o envelope sem mostrar que ele foi violado. Comparando, cartas de resposta de pedidos por meio da FOIA que eu recebi de agências como o FBI não apenas não tinham nenhuma segurança adicional, quanto raramente são lacradas direito.

Depois de uma tentativa infrutífera de tentar achar o tipo preciso de fita anti violação que a CIA usa, eu fiz uma requisição pedindo essa exata informação. A agência respondeu me dizendo que não precisava me dizer, já que essa informação não era especificamente “registro do gorveno”. Mas “em um esforço de me ajudar”, eles me contaram de qualquer forma.

carta-fita-cia-1Fita à prova de violação usada pela CIA para selar envelopes do FOIA (Foto: Matt Novak)

Eu meio que suspeitava que a fita, que não pode ser tirada com vapor e tem fibra de vidro laminada, seria feita especificamente para a CIA. (Como eu disse, eu encontrei muitas fitas que eram parecidas, mas não tão resistentes quanto a que sela a correspondência da CIA). Mas parece que é uma tecnologia que está à disposição de qualquer um.

A “fita kraft engomada para selar” que a agência usa tem sete centímetros e meio, e as indicações na resposta da minha solicitação sugere que a agência a compra em rolos de 135 metros. A CIA até me mandou um xerox do catálogo da onde eles compram: Miller’s Supplies at Work, Divisão de Vendas para o Governo. O número do produto é UFS-44HD007.

Depois de 11 de setembro de 2001, o governo dos EUA instituiu o monitoramento de alta tecnologia para o correio físico. Basicamente a frente de cada carta pode ser escaneada e catalogada com o apertar de um botão. Na verdade, temos algumas provas que o correio americano pode fotografar cada uma das correspondências que passa pelo sistema.

Mas se você está preocupado que alguém (governo ou não) mexa nos conteúdos da sua correspondência, seria bom arrumar um rolo desse negócio. Se é bom o bastante pra CIA, provavelmente é sua melhor aposta.

Foto do topo: Fita a prova de violação usada pela CIA para selar envelopes do FOIA (Foto: Matt Novak)