O webinar é uma das principais soluções de venda online, seja para empresas, profissionais liberais ou prestadores de serviços. De acordo com estudo da ReadyTalk, entre 20% e 40% das pessoas que assistem a um webinar tornam-se leads qualificados.

Além disso, a retenção dos visitantes de um webinar é de 40%, como mostra a consultoria MakeSocialMediaSell. Isso quer dizer que quase metade das pessoas que acessam o seu conteúdo vão estar atentas a ele. Ou seja, uma grande oportunidade, não?

Mas, antes de mais nada, você sabe mesmo o que é um webinar? A origem do termo explica o seu conceito. Ele é o resultado da combinação das palavras web e seminário. Simples assim. Na prática, o webinar é uma ferramenta poderosa de venda que pode ajudar o seu negócio e aproximar você dos seus clientes.

Para quem ainda não conhece ou nunca fez um webinar, o Tudo Sobre Webinar é destino obrigatório. O portal foi lançado em 2018 pela Gummy Conteúdo Digital e o GoToWebinar para ajudar o mercado brasileiro a explorar todo o potencial dessa ferramenta.

O portal traz informações importantes sobre a produção de conteúdos com recursos educacionais gratuitos. Há dicas para evitar erros comuns, instruções para traçar uma estratégia para redes sociais e dicas para potencializar suas vendas.

A ideia é também dar visibilidade para iniciativas de empresas que já realizam os seminários na web, na seção especial chamada Agenda. A seção é um hub de webinars que traz uma série de empresas que realizam seminários e servem de inspiração para quem quer começar a fazer conferências na web.

Para produzir um bom webinar

Escolher uma boa ferramenta para criar seu webinar já é meio caminho andado. O GoToWebinar, que cria e gerencia conferências na web, é um dos softwares mais usados no mundo corporativo e facilita todo esse processo. Escolha feita, o primeiro passo para criar um webinar matador é definir um bom tema. É importante saber identificar quais são os assuntos que interessam o seu público. Não pense apenas em vender seu peixe. O conteúdo deve ser relevante para a sua audiência!

Com o tema definido, o webinar precisa ter uma chamada atrativa. Pense com capricho no título, e não prometa nada que o conteúdo não vá entregar. Agora esqueça aqueles formatos de apresentação sem graça e sonolentas. Para manter o engajamento, vale a pena usar bons slides na construção de uma narrativa atraente. Ao final, não se esqueça de deixar um tempo para perguntas. Assim, você promove interação com o público.

Tão importante quanto produzir um bom conteúdo é espalhar esse conteúdo para que ele chegue até as pessoas. Ou seja, o webinar não termina no final da apresentação. Depois dela há um trabalho fundamental de ativar o conteúdo nas redes sociais.

E para saber se a sua conferência na web foi bem sucedida, a análise dos dados para mensurar resultados é parte fundamental do processo. São esses dados que vão ajudar a mostrar erros e acertos e o que pode ser melhorado no próximo webinar.

E aí? Pronto para desenvolver o seu webinar? Aprenda tudo sobre conferências na web e veja suas vendas acelerarem!