O Bing é tão bom em achar e exibir pornografia que a Microsoft vai prover todo seu conteúdo adulto de um domínio específico. Assim fica mais fácil filtrar as páginas:

Primeiro, imagens e vídeos potencialmente explícitos agora virá de um só domínio separado, explicit.bing.net. O domínio é invisível para o usuário final, mas permite filtrar o conteúdo explícito por domínio, o que torna muito mais fácil para consumidores de todos os níveis bloquear esse conteúdo, não importando as configurações do Safe Search. E torna mais fácil para programas de filtro bloquear conteúdo não-desejado se o SafeSearch estiver desligado.

Além disso, vamos começar a retornar informação da URL de origem na string de busca de imagens e vídeo, para que as empresas que já usam este método de filtragem sejam capazes de reter conteúdo explícito do Bing, além de tudo mais que elas já bloqueiem para seus clientes.

Quer dizer que não, isso não afeta sua capacidade de obter seu bada-Bing na privacidade da sua casa, mas sua empresa ou escola conseguirá filtrar tudo mais facilmente. Parabéns à Microsoft por pensar naqueles que se importam com isso, sem afetar quem nem liga para isso.