Ótima notícia para fãs de Arthur C. Clarke e/ou Ridley Scott: o diretor de Blade Runner e Alien assinou contrato para produzir uma versão em minissérie de 3001: A Odisseia Final.

Baseado no livro de mesmo nome, 3001 acompanha a história do Dr. Frank Poole, cujo corpo congelado vagou pelo sistema solar nos últimos mil anos. Ele foi morto pelo computador HAL-9000 porque planejava desligá-lo. É por causa disso que o Dr. David Bowman, que acompanhava Poole na missão, confronta HAL nesta cena clássica de 2001: Uma Odisseia no Espaço:

Depois de ser encontrado pelo rebocador espacial Golias, Poole é ressuscitado e levado de volta à Terra, que mudou bastante no último milênio. O resumo do livro diz:

Ele descobre um mundo com mentes humanas que fazem interface direta com computadores; servos dinossauros geneticamente modificados; e enormes elevadores espaciais construídos ao longo da linha do Equador.

Ele também descobre uma ameaça iminente para a humanidade escondida dentro dos enigmáticos monólitos. Para combatê-la, Poole deve unir forças com David Bowman e HAL, agora fundidos em uma consciência corpórea – eles são os únicos com o poder de derrotar os misteriosos criadores dos monólitos.

Stanley Kubrick – que dirigiu 2001 – e Arthur C. Clarke já são falecidos, mas a família deles está oferecendo “apoio total” para o novo projeto. A minissérie deve estrear no canal americano Syfy em 2015. [SlashFilm via The Verge]