O Google finalmente exibiu seu headset de realidade virtual. Trata-se do Daydream View, um aparelho leve que vai funcionar com dispositivos habilitados para funcionar com o Google Daydream, plataforma de software para realidade virtual da companhia, introduzida pela empresa durante o Google I/O.

Google Pixel: tudo o que você precisa saber sobre os novos smartphones Android
[Review] Samsung Gear VR: a realidade virtual promete muito, mas ainda é para poucos
Google anuncia Chromecast Ultra com suporte a 4K e roteador Wi-Fi inteligente



Por enquanto, o único aparelho compatível com headset é o recém-lançado Google Pixel da própria companhia. Como o dispositivo da Samsung, o usuário vai precisar colocar o smartphone dentro do headset para poder visualizar os conteúdos. Aliás, a empresa diz que esta é a única configuração a ser feita: basta colocar o smartphone no headset e ele já funcionará no modo realidade virtual.

Junto com o headset vem um controle com uma série de sensores, que ajudarão na interação com os conteúdos que serão exibidos na tela do smartphone. Durante a apresentação, a companhia, por exemplo, mostrou uma aplicação em que é possível observar as galáxias e outra em que é possível participar de uma guerra intergalática.

controle-daydreamview

A empresa diz que terá até 15 parceiros de conteúdo até o fim do ano. Os primeiros devem ser Netflix, Hulu e HBO, que disponibilizarão filmes na plataforma de realidade virtual.Além disso, a empresa ressaltou uma parceria com o The New York Times, que fez uma reportagem sobre refugiados usando câmeras 360°.

A plataforma Google também não vai ficar de fora. O Google Street View terá 150 tours selecionados por pontos turísticos conhecidos, e o YouTube também será compatível não só com vídeos 360°, mas pela sensação de imersão de vídeos convencionais.

O projeto da companhia, segundo Clay Bavor, responsável pela iniciativa de VR, foi mais pensado na usabilidade que em gadgets convencionais. Para isso, a companhia consultou designers de roupa para usarem tecidos leves e finos, fazendo com que o headset seja 30% mais leve que outros aparelhos do tipo. A empresa também fala que o headset poderá ser usado de forma confortável por pessoas que usam óculos.daydream-view-cores

O aparelho estará disponível em novembro nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Alemanha e Austrália. O preço sugerido é de US$ 79. A título de curiosidade, o dispositivo Gear VR, da Samsung, tem preço sugerido de US$ 99.

Apesar de ter anunciado o produto, há ainda uma série de dúvidas sobre o Daydream View. A empresa não especificou quais os pré-requisitos de smartphones que vão funcionar no headset, detalhes de consumo de bateria e até o peso do Daydream View.

Atualizado às 15:15