Nós falamos por aqui que a nova câmera EM-5, da linha OM-D, da Olympus, era o provável sepultamento das câmeras DSLR da empresa. Mas além disso, ela pode significar o surgimento de um novo nicho: o de câmeras profissionais com tecnologia mirrorless — as Micro Four Thirds.

Quem conta os detalhes do plano da Olympus é o chapa Mário Nagano, do ZTOP. Ele não só conta de forma meticulosa como a câmera é e todos os seus detalhes e habilidades, como comenta esse processo de mudança da empresa. A Olympus está seguindo o caminho certo? Ela ficará sozinha nessa luta ou mais empresas abraçarão o formato? Leia o post completíssimo lá no ZTOP e conte-nos o que você acha. [ZTOP]