12 desses barcos voadores feitos de metal voaram pelo céu entre 1939 e 1946, antes de a Boeing mandá-los pelos ares – ou afundá-los. Uma belíssima coleção de imagens retrôs foram descobertas, mostrando o nível de luxo que era oferecido aos passageiros (que pagavam o equivalente a U$760 numa passagem de ida de San Francisco para Hong Kong).

O valor pode não parecer tão caro hoje em dia, mas U$760 nos anos 40 era uma quantia absurda de dinheiro – e U$1.368 para uma viagem de ida e volta era o bastante para convencer muita gente a ficar no país visitado.

Apenas 36 passageiros podiam ser transportados dentro desses monstros de metal de 36 metros de comprimento, e os assentos se transformavam em beliches. Havia até um quarto para lua de mel, para os casais que não esperavam num luxo na primeira noite de casamento. Só torço para que as paredes fossem à prova de som.

Veja todas as imagens no Flying Boat Forum, e admita que elas te fizeram querer viver pelo menos alguns momentos no passado. Infelizmente, o mais próximo que você pode chegar de um Boeing 314 é visitando o Foynes Flying Boat Museum, na Irlanda, que tem uma réplica em tamanho real da aeronave – mas como já vimos um grupo de franceses encontrar um 314 afundado no Atlântico, talvez ainda seja possível ver um barco voador de verdade. [Flying Boat Forum via ASB via Boing Boing]