Amando ou odiando, você não pode negar que os bastões para tirar selfies estão se tornando muito populares. Mas por mais prático (e divertido e ridículo) que ele possa ser, ele não permite muita mobilidade para o fotografado, e aquele pedaço de metal quase sempre sai no enquadramento da foto. Foi pensando nisso que um grupo de amigos criou a Podo: uma câmera que gruda em qualquer superfície e responde a comandos do celular por meio de Bluetooth. Ela está atualmente em crowdfunding no Kickstarter.

o92a4169

A Podo é uma câmera pequena o suficiente para caber na palma da mão e, graças a uma base de micro sucção acoplada a sua traseira, gruda em qualquer superfície. É a combinação perfeita para essa geração que gosta de registrar e compartilhar todo e qualquer momento, permitindo mais mobilidade para quem tira a foto e excluindo aquele pedaço de ferro horroroso que quase sempre aparece nas fotos tiradas com o pau de selfie.

Depois de grudar a câmera em alguma superfície, você a conecta a um celular por Bluetooth, enquadra a imagem usando o smartphone e registra a fotografia. Uma série de LEDS ao redor das lentes indicam quando a foto é registrada e em seguida ela é enviada diretamente ao celular. Em baixa qualidade, a transferência é instantânea, mas pode demorar alguns segundos em qualidades maiores.

Com 8 megapixels, possibilidade de gravar vídeos com 720p de resolução e apenas 4GB de memória, a Podo dificilmente oferecerá alguma concorrência à câmeras de ação já consagradas no mercado, como as da GoPro. Pelo design — mais infantil e amigável — a câmera talvez conquiste o público adolescente, mas dificilmente conquistará alguém pelo preço: ela custa $80 em valor promocional para quem comprar os primeiros modelos e aumentará para $100 quando chegar ao mercado. Não é um preço muito convidativo, especialmente com a chegada da câmera de ação da Xiaomi, mais barata e tão poderosa quanto uma GoPro Hero.

A Podo já ultrapassou os $50 mil que pede no Kickstarter e a previsão é que os exemplares sejam entregues a partir de agosto deste ano. [TechCrunch via Kickstarter]