Estas são todas fotos que você provavelmente já viu milhares de vezes. Mas aquelas com as quais você está familiarizado são um pooooouco diferentes. Veja, estas são versões sem edição que dão uma noção de como uma singela edição pode mudar completamente a história. Sem aquela pequena alteração, essas imagens talvez jamais tivessem se tornado tão famosas quanto são.

Acima, você vê a famosa foto de Elvis Presley, Jerry Lee Leewis, Carl Perkins e Johnny Cash cantando juntos no Sun Studio, em Memphis — eles não seriam o quarteto de um milhão de dólares se aquela tia sentada no piano do Rei tivesse ficado na foto. Depois, temos a famosa foto do guerrilheiro Che Guevara, aquela que estampa nove em cada dez camisetas de adolescentes rebeldes. O que você provavelmente não sabe é que o perfil de um outro cara foi removido do lado esquerdo da foto.

Che

A capa do Sgt. Pepper’s Lonely Heart Club Band, dos Beatles, é muito menos mágica e psicodélica quando você vê as luzes e outros equipamentos do estúdio onde eles tiraram a foto.

Capa do disco dos Beatles.

E a foto do Rebelde Desconhecido que ficou na frente de uma fila de tanques na Praça de Tienamen, na China, é bem menos impactante quando ele se torna apenas um pontinho borrado e quase impossível de distinguir na composição da imagem. Aproxime-a e você terá toda aquela carga de emoção conhecida.

O Rebelde Desconhecido.

Olhar para essas fotos faz com que você de certa forma volte no tempo e aprecie as cenas sob outro ponto de vista. Sem esses simples, mas poderosos recortes e zooms, essas fotos talvez jamais tivessem saltado dos livros de história para ficarem encrustadas no seu cérebro. [PetaPixel]