O microscópio de luz revolucionou a ciência e a medicina, mas nos mais de 400 anos seguintes à sua invenção, esta peça fundamental de equipamento se tornou cada vez mais cara e frágil. Manu Prakash e sua equipe criaram uma solução brilhante – um microscópio de origami que custa menos de US$ 0,50 para ser feito.

Prakash apresentou a ideia em um TED em 2012, e, em um artigo publicado nesta semana, Prakash e sua equipe demonstraram as capacidades ópticas precisas e confiáveis do que eles chamaram de Foldscope. Basicamente, os contornos das peças são impressas em uma folha de papelão tamanho ofício, e os pedaços são cortados e dobrados de acordo com o código de cores. Não há necessidade de instruções impressas. Com a luz de um LED, uma bateria de relógio que dura 50 horas, e uma pequena lente, o microscópio portátil fica pronto em questão de minutos.

Parece um brinquedo bacana para fazer crianças se interessarem por ciência, mas há uma proposta muito melhor por trás do Foldscope. Os organismos microscópicos que causam doenças como giardíase e malária podem ser facilmente identificados através de um microscópio, com a identificação positiva guiando o tratamento. Um microscópio barato, duradouro e facilmente transportável significa diagnóstico e tratamento mais rápido em lugares onde médicos não podem usar um laboratório completo.

Vamos torcer para Prakash e sua equipe conseguirem colocar milhares desses pequenos dispositivos nas mãos de médicos ao redor do mundo. [arXiv via Wired]