Um dos conselhos mais batidos (e úteis) de economistas para manter o saldo positivo no final do mês é marcar todos os gastos. Todos, até o cafezinho no intervalo do trabalho. Isso era trabalhoso quando tínhamos apenas papel, mas mesmo depois, com o Money e outros softwares para computadores, anotar e/ou lembrar tudo para passar para o PC não era um workflow muito confiável. Com um app no bolso, porém, não há desculpa. E o Android tem um muito bom, o Expense Manager.

A primeira coisa que você nota é como este app é bonito. Bem desenhado, simples, fácil de usar e com suporte ao Real, ele não faz muito, mas faz bem o que propõe. Um grande sinal de “mais” no topo permite marcar quanto foi gasto, em qual categoria, quando e, se necessário, deixar uma nota — no caso, gosto de marcar o local onde aquele gasto foi feito.

As categorias são identificadas por cores e o app usa muito bem essa característica em seus gráficos avançados, todos muito coloridos e visualmente agradáveis (visualmente; dependendo do seu saldo, eles podem ser deprimentes). Ah sim: para agilizar ainda mais o trabalho, há um widget de acesso rápido que, de quebra, ainda informa o total de gastos do mês. Outra coisa legal é a possibilidade de definir um limite de gastos, assim você sabe quando pasou da conta e é bom começar a se segurar.

Um recurso bacana em apps do gênero é a proteção — nesse caso, usando aqueles desenhos em uma grade 3×3. Infelizmente a implementação é fraca; se você acessa o app pelo widget, por exemplo, ele não pede essa senha. Talvez em um update futuro isso seja corrigido.

O Expense Manager é gratuito, porém cobra R$ 6,49 para liberar os gráficos (de distribuição pelas categorias e estatísticas). Pela praticidade e qualidade do app, um preço justo. [Google Play via Android Niceties]