Com tantas pessoas animadas (e irritadas) com o iPhone 3GS, não pudemos dar muita atenção para a novidade no visual do Snow Leopard, que permite controlar o Exposé a partir do Dock. Agora é sua chance de ver a demonstração em vídeo.

Como mencionado ontem, esta novidade parece a nova barra de tarefas do Windows 7, porque permite acessar mais janelas e pastas direto do Dock, que hoje serve mais para abrir programas que para gerenciá-los. Estas são as principais novidades do Exposé, e como ele funciona junto com o Dock:

  

O Exposé agora tem um visual novo: as janelas são organizadas em forma de matriz, em vez de espalharem por qualquer espaço livre disponível, e o título de cada janela aparece embaixo. (Se você prestar bem atenção, dá pra ver os títulos no vídeo.)

As stacks (pilhas), que surgem do Dock detalhando o conteúdo da pasta, também foram repaginadas. O principal: é possível girar a roda do mouse para ver todo o conteúdo da pasta, sem clicar na seta "Mais", e pastas que aparecem nas stacks podem ser abertas e exploradas.

Ao se clicar e segurar em um ícone de aplicativo no Dock, todas as janelas abertas daquele aplicativo surgem alinhadas em matriz do Exposé. É possível até dar zoom em uma das janelas abertas, e vê-la sem sair do Exposé. Só falta saber o comando exato para fazer isso.

Ao se arrastar um arquivo, é possível levá-lo até o Dock e posicioná-lo em cima de um ícone de aplicativo. O Exposé exibe as janelas abertas em forma de matriz para você soltar o arquivo onde ele deve ir. (No Leopard isso é possível apenas segurando o arquivo com o mouse enquanto se digita uma combinação de teclas para ativar o Exposé; agora ficou bem mais fácil.)