Uma das coisas que mais chamaram a atenção no evento de hardware da Amazon realizado nesta semana foi o fato de Dave Limp, vice-presidente sênior de dispositivos e serviços da empresa, ter aparecido na TV usando AirPods durante uma entrevista.

Como um representante de uma empresa que tinha acabado de anunciar um concorrente dos AirPods cometeu esta gafe? Acontece que ele estava apenas usando o equipamento da Bloomberg para poder ouvir as perguntas do entrevistador.

(Tradução: Acho que você pegou o fone errado, Dave.)

Muitos presumiram que o erro foi culpa de um funcionário da Amazon. Aparecer usando o produto do seu concorrente depois de revelar uma alternativa da sua empresa não é lá muito legal. Mas acontece que este não é um caso de executivos sem noção ou assessores vacilando.

(Tradução: Para ser justa, estes AirPods eram da Bloomberg e estavam numa ligação com o estúdio. Eu tive que fazer o mesmo depois do David Limp.)

A analista de tecnologia Carolina Milanesi, que foi entrevistada pela Bloomberg logo após Dave Limp, contou que o AirPod, estava sendo usado pela equipe de câmeras para fornecer um canal direto para perguntas do entrevistador. Ela, inclusive, também teve que usá-lo.

Não é difícil imaginar que a equipe de relações públicas da Amazon tenha solicitado um fone de ouvido invisível para o Limp depois que eles perceberam que equipamento a equipe da Bloomberg estava usando, mas possivelmente a equipe da TV não tinha uma alternativa ali na hora.

No fim das contas, tudo não passou de uma péssima coincidência. Não é uma gafe constrangedora para a Amazon. Mas é meio nojento a Bloomberg exigir que os entrevistados compartilhem os mesmos AirPods. Imagina ter que colocar um fone que passou por sei lá quantos ouvidos? Vou começar a andar por aí com um algodão e água sanitária para me precaver caso precise ser entrevistado. Eu, hein.