Agora é mais fácil do que nunca jogar o Windows 7 e o OS X 10.6 Snow Leopard frente a frente: eles serão lançados em breve, ambos menos de 1 mês um do outro – e ambos são basicamente pacotes de serviços ultravitaminados do SO atual.

De certa maneira, eles são opostos: o Windows 7 usa a mesma fundação principal do Vista quando soluciona problemas e embeleza o exterior, enquanto o Snow Leopard mantém boa parte dos mesmos pontos ao rearranjar como as coisas funcionam internamente. Mas a missão é a mesma – evoluir seu SO atual – não mudar o jogo todo. E, sendo lançados em poucos meses, não tem nem como evitar um estudo comparativo. As estrelas de Redmond e Cupertino nunca foram tão próximas antes.



Preço/Disponibilidade
O Snow Leopard detona o Windows 7 nos dois quesitos aqui: ele chega em setembro por apenas 29 dólares. O Windows 7 não chega antes do dia 22 de outubro e é praticamente certeza que ele será tão caro quanto o Vista. Por outro lado, ele será mais barato para as pessoas que já têm Vista. Nada nem perto de 29 dólares, pode apostar, mas não faz mal sonhar, não é?

Marca da armazenagem
Tanto o Windows 7 quanto o Snow Leopard foram projetados para ocupar menos espaço no seu disco rígido do que seus predecessores. O Snow Leopard promete devolver a você 6GB de armazenagem – cortar fora todo o código para Macs baseados em PowerPC ajudou um bocado neste sentido. A Microsoft não revela quanto de espaço extra você terá com o Windows 7 em relação ao Vista, mas uma versão anterior do Windows 7 usou aproximadamente 6GB de espaço e eles estão bolando umas maneiras de fazer os drivers ocuparem ainda menos espaço.

Se lhe serve de alguma coisa, o Snow Leopard requer 5GB de espaço livre em disco, enquanto o Windows 7 possui um requisito mínimo recomendado de 16GB para o SO de 32 bits e 20GB para o SO de 64 bits – a Microsoft não divulga os mínimos reais, apesar da marca ser de aproximadamente 6-8GB para o Windows 7.

Inicialização/Desligamento/Sleep
O Vista comeu poeira do Windows 7 e seu tempo de inicialização abaixo dos 30 segundos, e o RC1 é ainda mais rápido. O tempo de desligamento também é menor. Nós tivemos problemas com o Sleep no release beta, mas ele ainda parecia ser melhor que o Vista, se não for mais veloz. A Apple não melhora significativamente o tempo de inicialização, mas promete fazer com que o sistema retorne do Sleep com o dobro da velocidade e desligamentos 1,75x mais rápidos que o Leopard.

64 bits
O Windows 7 virá nos sabores 32 bits e 64 bits – fica a seu critério escolher a opção correta (dica: 64 bits). Boa parte da instalação do Windows 7 será 64 bits – já que você não precisa se preocupar com problemas de compatibilidade tanto quanto no Vista 64 e as pessoas estão começando a querer 4GB ou mais de RAM – então é como um efeito dominó. O Snow Leopard também mais ou menos terminará a transição do OS X para 64 bits, então é algo que a Apple está acelerando bastante também.

Poder de Processamento Paralelo de Múltiplos Núcleos
Alguns dos tweaks que a Microsoft está fazendo no núcleo do Windows 7 são para melhorar o processamento paralelo – em resumo, usando múltiplos núcleos para lidar com tarefas mais simultâneas que as versões anteriores do Windows. Mas estes tweaks de otimização de múltiplos núcleos não parecem ser tão abrangentes quanto os planos de processamento paralelo da Apple no Snow Leopard, encabeçado pelo que eles chamam de Grand Central Dispatch (GCD).

O mais importante do GCD é que, se funcionar como diz a Apple, faciltará o uso de múltiplos núcleos por desenvolvedores de aplicativos ao lidar com o threading para os programadores. O truque hoje em dia não é o hardware, mas sim o software – as ferramentas de software que permitem que programadores de fato usem a tecnologia de múltiplos núcleos (basta dar uma olhada na nossa entrevista com Craig Barrett, presidente da Intel, que explicou o porquê da empresa contratar atualmente mais engenheiros de software do que caras de hardware).

GPGPU – continuação do Poder de Processamento
Novamente, como o Snow Leopard é puro encanamento, a Apple tem gritado mais alto os seus planos de usar a sua placa gráfica para obter ainda mais poder de processamento. Usando linguagem OpenCL, os programadores podem recorrer mais facilmente às centenas de núcleos escondidos dentro da sua placa gráfica para aplicativos que podem ter absolutamente nada a ver com gráficos. O OpenCL é parte grande do Snow Leopard, caso você ainda não tenha notado. O Snow Leopard também usará a sua placa gráfica para aceleração de vídeo H.264 (para reprodução mais tranquila sem superaquecer a CPU), caso você tenha um Mac mais novo com um chipset Nvidia GeForce 9400M.

O Windows 7 também usa placas gráficas de maneira mais inteligente que o Vista – ele possui transcodificação nativa acelerada por GPU e algumas outras refinadas na programação de gráficos. Mas o seu grande impulso GPGPU nós veremos em breve quando o DirectX 11 for lançado em julho.

Navegador: você quer Explorar ou ir a um Safari?
Foi mal, galera, neste quesito nem tem muita comparação: o Internet Explorer 8 é de longe o melhor navegador que a Microsoft já lançou, mas quando você lembra que ele precisa de uma lista de compatibilidade para todos os sites codificados para a ruindade passada do IE, o verdadeiro suporte a padrões modernos de web no Safari 4 faz com que a briga passe pro lado do Safari sem nem sequer levar em consideração os outros recursos. Ele também é incrivelmente melhor que o IE8 para lidar com JavaScript, o que é bastante elementar na era de aplicativos de web.

Networking
Networking no Windows 7 é muuuuuuito melhor que no Vista – você de fato consegue obter uma conexão wireless com menos de 17 cliques e a interface com o usuário do networking faz mais sentido. Parece também ser um tanto mais esperto para encontrar coisas na sua rede, pelo menos foi assim na nossa experiência. Ainda não estamos inteiramente convencidos quanto ao HomeGroups, mas poxa, pelo menos a Microsoft está tentando. E o streaming remoto (relativamente) fácil embutido no SO? Bem bonzinho.

A Apple não está de fato promovendo nenhuma mudança ao networking no Snow Leopard além da medida de ele ser 1,55x mais veloz que o Leopard para conectar-se a redes, além de ser mais eficiente no compartilhamento de arquivos. Você poderia dizer que o networking no Leopard não precisava ser refeito – ele era definitivamente melhor que no Vista – mas, sem sacanagem, networking é uma daquelas coisas que as pessoas comuns ainda não conseguem entender com facilidade em nenhum dos sistemas operacionais.

Quanto tempo durará a sua bateria?
O Windows 7 supostamente melhora a duração da bateria dos notebooks em pelo menos 11%. Quanto ao Snow Leopard….bem….errr….todos os novos Macs têm baterias muito maiores? Como a Apple não soltou nada na WWDC contando pro mundo todo, temos que assumir que não haverá nenhum benefício.

Mas quanta mídia!
O Windows Media Player reproduzirá praticamente qualquer tipo de formato mainstream de vídeo ou áudio que você jogar nele, seja H.264, DivX, Xvid ou AAC. A interface com o usuário também está melhor, mas ainda é ruinzinha porque tenta fazer coisas por demais (mais ou menos como o iTunes atualmente). Mas ele tem uns lances bem bacanas, como “Play To”, que comandará qualquer dispositivo compatível na sua rede e transmitirá as coisas para ele via o mais novo padrão DLNA. Isso sem mencionar que ele nativamente transmitirá toda a sua biblioteca pelas internets para qualquer lugar. Ah, sim, e o Windows Media Center ainda arregaça.

A Apple não foi muito específica quanto ao QuickTime X conseguir ou não reproduzir uma gama mais ampla de formatos com seu logotipo novo todo elegante, dizendo apenas que ele reproduzirá “os formatos de mídia mais modernos”, tipo H.264 e AAC, ainda mais melhor de bom. Ele também conta com uma interface com o usuário nova bem classuda e suporta reprodução com aceleração gráfica (mencionada acima). Mas talvez o melhor dos recursos novos é a edição e gravação de vídeo embutida.

Se toda esta conversa de codecs de vídeo e formatos de arquivo for confusa demais pra você, leia o nosso guia (pretensamente) útil sobre este assunto.

Fundos de tela
Você já viu os fundos de tela feitos sob efeito de LSD do Windows 7? Incríveis. E o que o Snow Leopard tem? Uma coisinha idiota de uma estrela roxa. Os designers de telas de fundo da Apple precisam urgentemente de mais drogas, por favor.

Backup/Tempo de backup
O Time Machine é simplesmente animal porque ele é tão incrivelmente fácil de usar e implementar. Ele é 50% mais rápido no Snow Leopard. Nossa única queixa é que ele ainda é tudo ou nada – uma ou outra opção de conteúdo e agendamento não faria mal a ninguém. O Windows Backup e Restauração está definitivamente melhorado no Windows 7, com controles mais fino sobre backups e descrições de fato escritas em inglês.

Dock vs. Barra de Tarefas, round 3
Ah, este quesito é bem contencioso. Nós achamos que a barra de tarefas do Windows 7 é totalmente excelente e até dissemos que era mais útil que o Dock do OS X graças ao Aero Peek, que permite que você encontre qualquer janela em qualquer aplicativo tranquila e instantaneamente. Jumplists, que permitem acesso rápido a funções comuns direto do ícone na barra de tarefas, também foram um toque bem legal. Em resumo, com estes recursos e coisas como o Aero Snap, mais pré-visualizações e o Aero Peek misturando com Alt+Tab, o Windows 7 tem a melhor interface com o usuário de qualquer outro Windows.

A interface com o usuário do Snow Leopard é em sua maior parte a mesma, mas consegue melhorar um dos seus melhores recursos – Exposé – e o Dock ao mesmo tempo. Você de fato pode fazer muito mais coisa com o Dock agora, então você pode facilmente colocar arquivos em qualquer janela de aplicativos que você queira. Exposé, o meu recurso “sem o qual eu morreria” do Leopard, agora organiza janelas em uma grade bonitinha em vez de espalhá-las por onde houver espaço disponível. As Stacks agora também são de fato úteis, já que são roláveis e você pode olhar nas pastas dentro das pilhas no Snow Leopard.

Suporte a Exchange
O Snow Leopard tem embutido, a sua cópia do Windows 7 não. Assustador, porém verdade.

Geral
Tanto o Windows 7 quanto o Snow Leopard foram projetados para serem mais rápidos, mais esbeltos, mais fortes e mais estáveis que os seus respectivos SOs anteriores. O Windows 7 é nitidamente mais responsivo e você tem a sensação de ter mais controle. Nós teremos que ver como sairá o Snow Leopard, mas se ele for tudo o que promete a Apple, nós definitivamente estamos ávidos à espera destas façanhas no desempenho.

Tem muita coisa a se levar em conta para decidir se você é um Mac ou PC, mas qualquer que você venha a escolher, você definitivamente não errará ao fazer o upgrade do seu SO quando o próximo sair em breve.