Assinaturas de apps móveis são geralmente um saco para cancelar, mas o Google está fazendo sua parte em tornar mais fácil para usuários se livrarem disso com um novo centro de Assinaturas. O recurso, anunciado no Google I/O, começou a ser liberado para usuários do Android nessa quarta-feira (21)
.

Apple e Google querem que você pague por assinatura em apps

O centro de assinaturas reúne todos os detalhes de apps do usuário que consistentemente descontam dinheiro do cartão de crédito, torando mais fácil para o dono do aparelho saber pelo que está pagando. Segundo o Google, o serviço pode ser usado para adicionar novas assinaturas, gerenciar as já existentes e cancelar rapidamente as assinaturas atuais.

Essa parte de assinaturas do Google está disponível na Play Store. Para acessá-lo, vá ao menu “hambúrguer” no canto esquerdo superior e escolha a opção Assinaturas. Lá você verá, caso você tenha, suas assinaturas atuais com informações de quando você começou a pagar, quanto você paga, quando será cobrada a próxima parcela (semanalmente, mensalmente, anualmente, etc.) e quando será seu próximo pagamento.

Crédito: Google

De acordo com o Google, você pode fazer as seguintes funções em Assinaturas:

Ver todos os detalhes de assinaturas e status
Gerenciar e atualizar métodos de pagamento, incluindo adicionar uma forma de pagamento adicional.
Renovar uma assinatura.
Restaurar uma assinatura cancelada.
Cancelar uma assinatura.

É claro que essa facilidade vem com uma contrapartida. O Google também vai tornar mais fácil o envio de notificações sobre assinaturas para os usuários. Junto com isso, a companhia anunciou a possibilidade de desenvolvedores criarem acesso a assinaturas pela web, e-mail e redes sociais. Os usuários contarão com uma nova ferramenta de descoberta de assinaturas que vai oferecer recomendações personalizadas para cada usuário.

Crédito: Google

O novo gerenciamento torna a tarefa de gerenciar assinaturas no Android bem mais fácil que no iOS. Para usuários de iPhone e iPad, encerrar uma assinatura exige procurar a opção, que está escondida entre menus. Você precisa abrir o app da App Store, escolher o ícone do usuário, escolher seu nome, fazer login e abrir o menu “Assinaturas”. No menu, informações como o início da assinatura e quanto você paga por mês não estão facilmente visíveis — só são disponibilizadas ao tocar nos detalhes de assinatura.

Existe uma possível explicação para tornar o processo de cancelamento mais enrolado, que era algo que, pelo menos até esta quarta-feira, também rolava com o Google: as empresas ganham uma boa grana com compras de app e pagamentos recorrentes.

Tanto a Apple quanto o Google obtêm 15% de todo valor de assinatura em suas lojas de aplicativo. Segundo um relatório da Sensor Tower, a App Store gerou US$ 38,5 bilhões em vendas em 2017, enquanto a Play Store gerou US$ 20,1 bilhões. A maioria desses valores é composto por compras únicas, mas as assinaturas estão crescendo. Em 2016, a Apple anunciou um crescimento de 74% no aumento ano a ano nessa modalidade de compra. Em 2017, o Google disse que nos últimos três anos “houve crescimento de assinaturas em 10 vezes na Play Store”.

A assinatura de apps não é a operação que mais dá dinheiro para as companhias, mas nem Apple nem Google ficarão desapontados se você esquecer de cancelar um ou outra assinatura.

[TechCrunchGoogle]

Imagem do topo: Jeff Chiu/AP