Há uma crise de refugiados e migrantes praticamente sem precedentes nos últimos anos: famílias estão fugindo de estados devastados pela guerra e realizando viagens angustiantes por terra e mar, arriscando as próprias vidas, muitas vezes sem qualquer salvação garantida no final. O Google está ajudando, e quer estimular seus usuários a fazer doações também.

O Google vai duplicar a quantia de cada contribuição: por exemplo, se você doar US$ 5, a empresa vai oferecer mais US$ 5 a instituições de filantropia.



Funciona assim: você vai até o site google.com/refugeerelief, escolhe uma quantia a doar (entre US$ 5 e US$ 200) e paga com o cartão cadastrado em sua conta do Google.

Donativo Google refugiados

Para cada dólar que você doar, o Google pagará a mesma quantia, até que a soma das contribuições dos usuários chegue a US$ 5,5 milhões – ou seja, serão US$ 11 milhões no total.

O dinheiro irá diretamente para a Network for Good, que o distribui para quatro organizações sem fins lucrativos: Médicos sem Fronteiras, International Rescue Committee, Save the Children e a Agência da ONU para Refugiados.

Se você está em dúvida sobre doar, confira este relato publicado no blog do Google:

Meu nome é Rita Masoud e eu sou uma refugiada. Eu nasci em uma Cabul devastada pela guerra no Afeganistão. Quando eu tinha sete anos, minha família e eu fugimos para a Europa com os nossos pertences em uma única mala, na esperança de um futuro melhor e mais seguro. Nossa jornada envolveu muitas viagens noturnas de trem e ônibus, bem como fome, sede, frio e medo.

Felizmente, recebemos asilo na Holanda, onde eu cresci em um ambiente seguro e fui capaz de encontrar meu caminho na vida. Hoje, eu trabalho para o Google na Califórnia. Eu tive sorte. Mas à medida que a crise dos refugiados e dos migrantes vem crescendo, muitas pessoas como a minha família estão desesperadas por ajuda.

Na semana passada, o Google doou US$ 1,1 milhão para entidades de ajuda humanitária. Outras empresas também estão ajudando: por exemplo, o Uber está oferecendo corridas de graça em 20 países europeus para coletar doações de roupas e brinquedos para a Save the Children.

[Official Google Blog]

Foto por Giannis Papanikos/AP