O governo federal vai dobrar o limite de compras em free shops de US$ 500 para US$ 1 mil. O anúncio foi feito pelo presidente Jair Bolsonaro em seu perfil do Twitter e, segundo ele, o decreto ainda está sendo “preparado para os próximos dias”.

O aumento da cota vale apenas para compras em free shops ou duty free shops, que geralmente ficam nas áreas de embarque e desembarque dos aeroportos. Para compras realizadas no exterior, o limite permanece US$ 500.

Quem viajar ao exterior poderá entrar nos aeroportos do país com US$ 1.500 ao todo: os US$ 500 da bagagem e US$ 1 mil em compras no free shop.

De acordo com o Valor Econômico, o objetivo é adequar a cota à inflação americana. Os valores praticados são os mesmos desde 1991.

Mas há outra novidade, que envolve o Paraguai. O governo vai ampliar de US$ 300 para US$ 500 o valor máximo de mercadorias trazidas por pessoa vindas por via terrestre do país vizinho.