Mesmo com todas as disputas judiciais, o Grooveshark continua vivo e acaba de trazer um redesign.

Eles reformularam o site e o player de música para tornar mais fácil descobrir novas músicas que você goste, seguir artistas para acompanhar novos lançamentos de forma automática, e navegar por sua biblioteca de música para construir playlists e encontrar algo bom para ouvir.

Minha biblioteca no Grooveshark é muito grande: por isso, às vezes pode ser complicado encontrar algo que eu queira ouvir, mas a nova versão do site facilita um pouco a busca e filtragem de sua coleção de música.

Além disso, o layout traz sugestões de música direito na sua tela inicial, para que você possa descobrir novas bandas logo que fizer login, ou tocar músicas de artistas que já estão na sua biblioteca, ou tocar o que você ouviu recentemente.

A partir da tela inicial, você também pode acompanhar artistas dos quais você gosta, conectar-se com amigos para ver o que eles estão ouvindo, e explorar o que há de popular ou novo em qualquer gênero. E claro, para ouvir as músicas, basta arrastar e soltá-la na parte inferior da interface, ou apenas clicar em Play.

O redesign é principalmente cosmético, mas senti que o Grooveshark ficou mais rápido quando eu o usei. Além disso, acrescentar a descoberta de música na tela inicial é uma novidade bem-vinda (embora eu entenda que alguns só queiram ir direto para a biblioteca de música).

A equipe por trás do Grooveshark também está convidando artistas para exercer mais controle sobre a sua presença, e assim cuidarem de seus perfis, interagirem com fãs, e compartilharem novos lançamentos através do serviço. Mas isso não deve livrar o site de sua disputa judicial com as gravadoras.

O novo Grooveshark já está disponível, e você pode conferi-lo no link abaixo.

Grooveshark | via Grooveshark Blog