por Daniel Junqueira

Há que diga que a Microsoft está para abandonar a marca Lumia. Mas isso não é para agora: a empresa anunciou recentemente o Lumia 650, novo intermediário que tivemos a chance de testar durante a Mobile World Congress.

>>> Xiaomi Mi5 é um top de linha poderoso e custa bem menos que a concorrência
>>> Tecnologia recarrega bateria de 2.500 mAh em apenas quinze minutos

O design do Lumia 650 se diferencia um pouco do que a linha apresentava desde os tempos de Nokia. Ele ainda é majoritariamente de policarbonato, mas agora suas laterais são de metal, e isso deu um ar de elegância para o smartphone. Mesmo com a tampa traseira de plástico, no geral ele tem uma sensação mais premium do que o Lumia 950.

DSC02258DSC02242

A sensação de segurar o Lumia 650 nas mãos é muito boa. Ele também é bem leve (pesa 122 gramas) e fino (6,9 mm de espessura).

Mesmo com uma tela de 5 polegadas com resolução 720p, ele consegue ser relativamente compacto. O display, aliás, é bem bonito. A Microsoft disse que é “de longe, a nossa tela mais bonita nesse preço”, e de fato ela é belíssima, com bastante nitidez e cores vivas.

DSC02238 DSC02266

E como está o Windows 10 Mobile? Testamos uma versão estável do sistema (trata-se da build 10.0.10586.39013) e ele roda com bastante fluidez no Snapdragon 212 e 1 GB de RAM. Nem mesmo apps como o pacote Office sofreram com engasgos no teste.

É fundamental que seja assim, considerando que a Microsoft posiciona o Lumia 650 como dispositivo para o mercado corporativo. Só ficou faltando o modo PC do Continuum – algo presente no HP Elite x3, também voltado para empresas. É algo para reduzir custos (o Continuum requer processadores mais potentes e caros), mas ainda assim.

DSC02273DSC02262

Em dispositivos com 5 polegadas ou mais, a Microsoft disponibiliza um modo para diminuir o tamanho da tela, tornando mais fácil alcançar o que está no topo.

Para acessar esse modo, segure um pouco o botão Windows e a tela passa a ocupar apenas metade do tamanho. Fique alguns segundos sem mexer na tela que tudo volta ao normal, ou então toque na parte que não exibe nada para retornar ao Windows 10 Mobile de sempre. O Lumia 650 é compacto, mas se em algum momento a tela parecer grande, há uma solução para isso.

DSC02248DSC02226

A câmera traseira tem 8 megapixels e flash, enquanto a frontal tem 5 megapixels. A bateria dele também é removível, e o processo de remoção da tampa traseira é bem simples: basta começar a partir de uma pequena abertura na parte inferior do aparelho e ela se solta facilmente. Colocá-la de volta também não dá muito trabalho.

O Lumia 650 foi lançado em países europeus na semana passada, e a Microsoft diz que ele estará disponível em breve no Brasil — pelo menos é o que está na página da empresa sobre o smartphone. Resta ver quando sua data de lançamento e preço serão divulgados. Vale lembrar que ele não deve ter a Cortana funcionando quando chegar ao país, já que ela ainda não fala o nosso idioma.

DSC02277

Veja abaixo os principais lançamentos do Mobile World Congress 2016:

O Gizmodo Brasil viajou para o MWC 2016 em Barcelona a convite da Samsung.