Com algumas exceções, quando se pensa em “gamers” não vem à mente “paradigmas da saúde e boa forma”. Mas talvez deveria. Já existe um monte de jogos de fitness no mercado, e eles variam de bom a horrível, mas esta colaboração entre a Nike e a Microsoft é bem diferente.

É algo realmente bom.



O Nike + Kinect Training basicamente coloca um personal trainer na sua sala de estar. Não é o conceito mais original que existe – a novidade é como ele funciona bem. A Nike trabalhou com a Microsoft para melhorar os algoritmos do Kinect e deixá-lo muito mais preciso, e dá para perceber isso no seu avatar. Pequenas nuances parecem não se perder, mesmo quando você está fazendo exercício físico no chão, ou se contorcendo como um pretzel.

Você escolhe entre dois treinadores e, em seguida, escolhe seu objetivo: Ficar Mais Forte, Ficar Magro, ou Ficar Tonificado. Você insere alguns dados sobre seu corpo, e então realiza alguns exercícios de diagnóstico, feitos para testar a sua amplitude de movimento e condicionamento físico geral. Depois, ele gera um programa de exercícios específico para você. Você começa com um desafio de fitness, e o repete a cada quatro semanas para gravar sua evolução. O jogo agenda seu treino em um calendário baseado em quando você está livre; se você perder um treino, o jogo remarca tudo automaticamente. Ele é bem esperto. Você também pode fazer séries isoladas de exercício, ou treinos rápidos de 5 minutos.

Eu tive a chance de realizar alguns exercícios no Nike + Kinect Training há algumas semanas, e fiquei impressionado. O exercício não começa até que você esteja na posição correta. A mão está fora do lugar? Ele espera até que você a mexa, e corrige sua postura durante os exercícios à medida que você prossegue. Ele me rastreou assustadoramente bem: mesmo quando eu estava no chão, ele sabia o que eu estava fazendo. O treino foi dividido em exercícios físicos (agachamento) e minijogos (queimada/dodgeball). Alguns deles eram bem desafiadores (joelhos elevados + calça jeans meio apertada = difícil).

Em geral, fico pouco impressionado com as características sociais em programas de treino. Você pode postar o seu treino no Facebook para seus amigos torcerem por você, mas que tipo de gente faz isso? Ou você pode colecionar Nikefuel, mas só para se gabar. Meh.

O que me impressionou, no entanto, foi o bate-papo bidirecional em vídeo: assim, você pode se exercitar com outra pessoa, cada um na sua casa. Obviamente, testamos isso em um ambiente controlado e com uma conexão boa, mas funcionou muito bem. Ter um companheiro de treino é realmente um motivador fantástico, e com isso, o seu companheiro pode estar no outro lado do planeta. Muito legal.

Para resumir: à primeira vista, nós ficamos impressionados. Estamos testando o Nike + Kinect Training para um review posterior. Você poderá comprá-lo nos EUA em 30 de outubro por US$50. [Microsoft/Nike]