Ao contrário de todos os outros “hoverboards” atraindo a atenção da mídia recentemente, o hoverboard da Arca Space paira mesmo no ar: sua bateria aciona quase quarenta ventoinhas por aproximadamente seis minutos.

>>> Hoverboard da Lexus é real, mas não é tão simples quanto parece

Sim, em vez de driblar a gravidade com um avanço científico, o ArcaBoard usa força bruta para levantar uma plataforma e seu piloto a até 30 cm do chão. São 36 ventiladores elétricos que geram 200 kgf de impulso.

Arca Board (1)

É por isso que a autonomia do hoverboard é de míseros seis minutos. Os 272 cavalos de potência gerados pelo dispositivo requerem muita energia, e não dá para colocar baterias demais nele – ou ele ficaria muito pesado para se levantar.

Arca Board (1)

O ArcaBoard normalmente exige uma carga de seis horas. Para contornar isso, a empresa também desenvolveu um dock de US$ 4.500 que reduz a espera a meros 35 minutos. Em outras palavras, é praticamente um acessório essencial se você quiser passar mais que alguns minutos pairando no mesmo dia.

E montar no ArcaBoard parece ser ainda mais complicado do que dominar os skates elétricos que roubaram o termo “hoverboard”, como é possível conferir neste vídeo:

Nada disso impediu a Arca Space de colocar o hoverboard em pré-venda por US$ 19.900, com entrega prevista para abril de 2016 – se ele for realmente produzido. Há duas versões: a Long Endurance aguenta pessoas de até 80 kg por 6 minutos; enquanto a Enhanced Thrust carrega pessoas de até 110 kg por 3 minutos.

A Arca Space é uma empresa espacial privada, uma das 26 equipes que competiram no Ansari X Prize em 2004.

Se e quando o ArcaBoard virar realidade, ele sem dúvida será um brinquedo para os super-ricos – aqueles que não se importam de arriscar contusões por uma emoção de seis minutos – e fãs incondicionais de De Volta para o Futuro 2. Ele também seria o primeiro hoverboard que flutua em diversas superfícies: as alternativas requerem superfícies especiais.

[Arca Space via The Verge]

Arca Board (2)Arca Board (5)