O iPod completou 15 anos ontem (23). Alguns blogs comemoraram o aniversário dele, mas alguém muito importante parece ter esquecido: a Apple, criadora dele. Nenhum release à imprensa, nenhuma mensagem no Twitter oficial da empresa, nem nada. Tim Cook também ficou em silêncio.

Apple atualiza iPods com novas cores e preços mais altos no Brasil
Descanse em paz, click wheel: uma história visual dos iPods

Lançado em 2001, o iPod foi fundamental para definir a Apple neste milênio. Apresentado no dia 23 de outubro de 2001 por Steve Jobs, o pequeno mp3 player pavimentou o caminho para o outro dispositivo extremamente popular da Apple, o iPhone.

Aos poucos o iPod vai sendo esquecido: a Apple demorou três anos até lançar uma atualização de hardware dele no ano passado, e atualmente ele está ausente até mesmo da página inicial da empresa (há, no entanto, um espaço dedicado para ele neste link). O que foi um dia um dos maiores orgulhos e alegrias da Apple agora está completamente esquecido e ignorado.

Não é por menos – a revolução dos smartphones fez com que tocadores de mídia como o iPod perdessem o sentido de existir. Hoje podemos ter todas as músicas que queremos nos nossos celulares – se não armazenados neles, podemos acessar todo esse conteúdo pela nuvem.

Eu tive alguns iPods e o que mais me marcou foi o iPod Classic de 80 GB que comprei em 2008. Era fantástico: eu conseguia carregar o que quisesse de música para qualquer canto, e a bateria dele durava que era uma maravilha. Na época, estava na faculdade e fazia todos os dias uma longa viagem de ônibus entre São Paulo e São Bernardo do Campo, e sem poder ouvir música esse trajeto era quase insuportável. O iPod foi um grande companheiro.

O vídeo abaixo junta 13 minutos de diferentes comerciais do iPod ao longo da vida dele, para nunca esquecermos da época em que ele era relevante para a Apple:

Parabéns pelos seus 15 anos, iPod. Se a Apple esqueceu, nós não esquecemos.

Foto via Yoshiki/Flickr sob licença Creative Commons. Atualizado às 17h52.