Joseph Lechleider, Ph.D. em engenharia, foi o primeiro a mostrar que era possível enviar confiavelmente sinais de banda larga através de linhas telefônicas tradicionais de cobre. Ele faleceu recentemente aos 82 anos.

As pesquisas de Lechleider na década de 80 seriam essenciais para dar às empresas de telefonia a tecnologia para oferecer serviço de alta velocidade via DSL. Em 2013, Lechleider entrou no Hall da Fama dos Inventores por suas realizações.

Na década de 80, as empresas de telefonia estavam tentando descobrir como usar suas redes existentes para proporcionar experiências multimídia mais ricas. A internet ainda era bastante restrita, e as empresas de TV a cabo – que seriam potenciais concorrentes – não estavam tão presentes nos EUA.

As empresas de telefonia tinham uma vantagem, porque quase todos tinham linhas telefônicas em casa. Mas era difícil entregar, de forma confiável, muito mais do que as transmissões de voz (e experimentos de videofone) através das linhas já existentes.

Antes de Lechleider, as velocidades de upload e download eram as mesmas, fazendo o tráfego engasgar nas linhas telefônicas por causa de interferência.

O trabalho de Lechleider focava em permitir velocidades variáveis ​​- download mais rápido e upload mais lento – a fim de utilizar os fios de cobre de forma mais eficaz. A implementação de sua pesquisa ficou conhecida como a Linha Digital Assimétrica para Assinante, ou ADSL.

Do New York Times:

“Houve um ceticismo considerável”, disse Lechleider em entrevista ao Wall Street Journal em 2003. “Havia pessoas que não queriam implementar o DSL. Havia pessoas que achavam que ele não iria funcionar. Muitos deles não tinham certeza de que havia mercado para ele.”

Mas, à medida que a web adicionou mais imagens, música e vídeo, a demanda por serviços a preços acessíveis e de alta velocidade aumentou. E a tecnologia DSL oferecia às empresas de telefonia um caminho para fazer isso por anos, sem ter de realizar a alternativa cara de instalar fibra óptica até as casas.

Foto por yum9me/Flickr
Foto por yum9me/Flickr

John Cioffi é muitas vezes referido como o pai da DSL, já que ele foi o único a comercializar com sucesso a tecnologia no início de 1990. Mas talvez Lechleider seja o avô. Ou talvez o tio?

Atribuir qualquer invenção é sempre confuso, uma vez que quase sempre ela envolve o trabalho de muitas pessoas. Mas Cioffi sempre deu crédito a Lechleider, referindo-se a ele como “Tio Joe” em seu livro Understanding Digital Subscriber Line Technology.

“A ideia de Joe Lechleider foi uma solução simples e elegante para o problema”, Cioffi disse ao New York Times. “Sua contribuição foi essencial para o desenvolvimento e expansão da internet.”

Lechleider faleceu em 18 de abril em sua casa na Filadélfia (EUA); sua morte só foi recentemente confirmada para a imprensa. Ele deixa sua esposa, filho, filha, e quatro netos. [New York Times]

Fotos via National Inventor’s Hall of Fame