Há alguns anos, a Kodak começou a emprestar sua marca para smartphones – é isso o que acontece quando o filme fotográfico perde espaço para câmeras digitais, e sua empresa precisa licenciar o nome para outros lugares. Agora existe um novo celular da Kodak com um nome antigo: o Ektra.

Como a Kodak sobrevive na era pós-filme fotográfico
Polaroid é “resgatada” por família rica dos EUA em acordo de US$ 70 milhões



O smartphone é projetado para parecer uma câmera clássica de bolso, tal como a Kodak Ektra da década de 1940. A traseira tem um acabamento texturizado que se parece com couro, mas é provavelmente apenas plástico.

kodak ektra (2)

Como é de se esperar, o destaque aqui é a câmera: ela tem sensor de 21 megapixels e abertura f/2.0, estabilização óptica de imagem, foco automático por detecção de fase, e grava em 4K. A câmera frontal, por sua vez, tem 13 megapixels.

O app da câmera tem um controle giratório semelhante ao de uma DSLR, e o aparelho vibra quando você troca de modo (HDR, noturno, macro etc.). E o Android 6.0 Marshmallow vem com Snapseed pré-instalado para realçar as cores e os detalhes das fotos.

kodak ektra (3)

Por dentro, você encontra o processador Helio X-20 de dez núcleos, 3 GB de RAM, 32 GB de armazenamento expansível e bateria de 3.000 mAh. A tela Full-HD de 5 polegadas usa painel IPS e vidro Gorilla Glass.

O Kodak Ektra será vendido por £449 (US$ 550) e estará disponível em toda a Europa ainda este ano.

[Kodak via Photography Blog]