Depois de cerca de três anos de investigação, LG, Sharp e Chunghwa Picture Tubes admitiram ter participado de um cartel entre 2001 e 2006 que fixou os preços de telas de LCD, afetando “milhões de consumidores americanos que usam computadores, telefones celulares e outros numerosos eletrônicos domésticos todo dia”. O Departamento de Justiça ordenou as empresas a pagarem US$ 585 milhões em multas – US$ 400 milhões da LG, US$ 120 milhões da Sharp e US$ 65 mulhões da Chunghwa.

De acordo com o Departamento de Justiça, o ajuste de preços atingiu painéis de TFT-LCD vendidas para Dell (usados nos computadores), Motorola (nos RAZRs) e Apple (nos iPods). Ao ferrar essas empresas, o cartel ferrou todos nós. Só espero que uma parte da grana venha para mim, pelos cinco ou seis iPods que já comprei. [Broadcasting and Cable]