Dissemos em maio que o Windows 7 teria preços próximos aos do Vista, e hoje a Microsoft confirmou isto: o novo sistema operacional custará de 329 a 669 Reais na caixinha, na versão completa. Por mais legal que ele seja, e nós repetimos inúmeras vezes, é preciso dizer: ele continua bastante caro.

Veja os preços por versão:

  • Home Basic – 329 reais
  • Home Premium – 399 reais
  • Professional – 629 reais
  • Ultimate – 669 reais

Já explicamos as diferenças entre as versões aqui. Além destas, tem a Starter (vendida somente em computadores novos) e a Enterprise (vendida diretamente para empresas).

Esses são os preços das versões completas — não existe ainda versão de upgrade para o Windows 7 no Brasil, como não existe para o Vista. No Brasil, também não vai ter, ao menos por agora, nem a versão familiar (três licenças da versão Home Premium) nem o Anytime Upgrade (upgrade online, mais barato que na caixinha), disponíveis nos EUA e Europa. Pelo potencial rombo no bolso, pode valer a pena comprar um computador novo.

Eu, como alguns comentaristas do Giz, queria muito comprar o Windows 7. Sinceramente, eu acho que se um programa/filme/álbum é bem-feito, vale a pena pagar por ele. E o Windows 7 arrebenta! Mas estava mirando em uns duzentos e poucos reais pela versão Home Basic — 329 reais é muita coisa. Bem, tenho até março para decidir! [Info]