A solução é usar smileys. Há botões com carinha feliz ou triste para você marcar o que achou bacana ou ruim em algum programa ou funcionalidade específica. Ele automaticamente salva um screenshot e abre uma caixa de diálogo pra você explicar porque o negócio é legal ou um fail. A sugestão vai direto pro pessoal da Microsoft. Aliás, para quem não curte dar um printscreen e abrir um programa de edição de imagens (ou usar o snipping tool, default no Windows 7), o novo Word, Excel, Powerpoint e Access já vêm com botões específicos de screenshots. Bacana, não?

Segundo Francisco Pastor, que me mandou um monte de screenshots aí embaixo, as primeiras impressões sobre a nova suite de aplicativos é que "o visual ficou mais limpo, menos agressivo e perdeu cor. Mas em contrapartida os softwares ganharam agilidade". O Felipe também está dando uma volta e vai contar aqui o que ele achou. [Valeu, Francisco!]

Felipe Ventura: No Office 2010, o Ribbon está mais "clean" e menos imponente que no Office 2007, e finalmente está presente em todos os programas do Office: uso bastante o OneNote, e o Ribbon e a mini-barra (que aparece quando se seleciona texto) faziam falta. Não gostei do Backstage, substituto do Botão Office: o botão não é muito grande (quando a tendência é aumentá-los), e sair do Backstage só é possível clicando no botão "Voltar" — por que não posso clicar na área vazia enorme para fechar o menu?

Também percebi que os programas estão abrindo bem mais rápido — exceto o Excel. A criação de gráficos nele continua ruim: apesar dos estilos de gráficos mais profissionais, ações como girar gráficos de pizza ou mudar caixas de texto de lugar deveriam ser mais intuitivas. As transições de slides e animações do PowerPoint estão mais suaves e profissionais. Além das novidades mostradas nos vídeos deste post, não há mais destaques.