O Magazine Luiza confirmou na noite de segunda-feira (29) um acordo para a compra da Netshoes por aproximadamente US$ 62 milhões (cerca de R$ 245 milhões), reforçando sua presença no varejo online.

Segundo a companhia, a totalidade das ações representativas do capital social da Netshoes foi adquirida por um preço de US$ 2 por ação, e os acionistas da loja de artigos esportivos deverão receber o valor da aquisição em dinheiro.

A operação será feita por meio da fusão de uma subsidiária do Magazine Luiza nas Ilhas Cayman e da Netshoes. Agora, a conclusão da operação está condicionada à aprovação dos acionistas da Netshoes em assembleia geral e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica, o CADE.

Esta primeira parte já está resolvida, com o Magazine Luiz afirmando ter chegado a um acordo com acionistas detentores de 47,9% do capital social da loja de artigos esportivos, que se comprometeram a votar a favor da negociação.

Desde que abriu capital na Bolsa de Nova York, em abril de 2017, a Netshoes vinha em um período de dificuldades. Se em sua oferta pública inicial as ações da companhia valiam US$ 18, chegando a US$ 24 no mês seguinte, a aquisição pelo Magazine Luiza no valor de US$ 2 por ação dá bem o tom da desvalorização nos últimos dois anos.

A resposta na bolsa à negociação foi de queda para a Netshoes, cujos ativos registravam perda de 28,30% na manhã desta terça-feira (30), a US$ 1,90, e estão, no momento de produção desta nota, em desvalorização de 25,67%. O Magazine Luiza, enquanto isso, viu alta de aproximadamente US$ 2,60 ao abrir sessão, chegando no momento a uma valorização de 5,20%.

[G1, InfoMoney]