Hemorragia interna é sempre uma péssima notícia, especialmente se você está no campo de batalha e longe de um hospital. É por isso que as forças armadas estão muito interessadas em qualquer tecnologia que possa ajudar a interromper a hemorragia interna e que possa ser aplicada por pessoas comuns em vez de médicos. E parece que bolaram uma solução bastante impressionante: uma manga de ultra-som que usa ondas sonoras para estancar a hemorragia intera. Impressionante!

A Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa dos EUA (DARPA) está trabalhando no que eles chamara de Manga de Coagulação Acústica de Sangramento Profundo (DBAC). Trata-se de um “dispositivo de ultra-som semi-automático projetado para cortar a perda de sangue e o choque resultantes dos ferimentos de combate nos membros, podendo ser operado por qualquer soldado com treinamento mínimo”. Como um soldado ferido pode perder até 25% do seu volume de sangue enquanto espera para ser transportado, seria enormemente útil poder interromper este sangramento e estabilizá-lo antes de ser atendido em um hospital.

Ao concentrar um feixe ultra-som de alta potência na área do sangramento, a manga é capaz de coagular o sangue e estancar o sangramento rapidamente. Eles esperam ter um protótipo pronto em 18 meses. [CNET]