Como a CGI tornou a filmagem stop-motion inteiramente obsoleta, é legal ver alguém fazer algo novo com o formato. Neste caso, John Douglas Powers criou uma mini obra-prima usando diversos maquinários.

No curta, intitulado “O Colecionador”, uma helping hand, no melhor estilo Wall-E, vagueia pelo cenário em busca de diversos objetos para poder catalogar e acrescentar à sua considerável coleção. De algum jeito, isto leva a uma pena de pavão brotar de um orifício antes ocupado por um parafuso, sendo subsequentemente coletada dentro de um tubo de vidro.

Não tenho certeza se aquilo tem a ver com qualquer outra coisa, mas não posso reclamar, vendo que o estilo me lembra mais ou menos dos primeiros desenhos Gumby que eu tenho tão bem guardados no meu coração….mas sem a argila e tal. [John Douglas Powers via Make]