Apps para administrar a privacidade dos apps, mexer no Twitter e converter valores. Confira nossas sugestões desta semana de apps para dispositivos Android.

Whoscall


O Whoscall é um aplicativo de identificação e bloqueio de chamadas. Uma atualização trouxe uma funcionalidade bem útil para quem usa planos pré-pagos. Batizada de Recarga Protegida, ela identifica cobranças de serviços na linha buscando por assinatura com cobrança recorrente – como boletins de notícias por SMS, jogos, horóscopos e serviços de música. Se há alguma cobrança indevida, fica mais fácil para o consumidor cancelar.

Download: Whoscall (grátis)

divisoriagizmodo

Fluce for Twitter


O Fluce é um novo cliente para o Twitter que tem bastante opções de personalização da linha do tempo, um visual limpo e suporte à GIFs na timeline. Uma opção interessante para quem não curte o aplicativo padrão da rede social.

Download: Fluce for Twitter (R$ 3,99)

divisoriagizmodo

Exodus Privacy


O Exodus Privacy oferece uma maneira fácil para checar todas as permissões que os aplicativos possuem em seu celular. Ele mostra também um contador de rastreadores que o app utiliza. Se você quer fazer uma limpa e ter uma ideia do que cada app pode acessar no seu smartphone, vale a pena instalar.

Download: Exodus Privacy (grátis)

divisoriagizmodo

Greengow


O Greengow é um aplicativo que pode ser utilizado para aprendizado de idiomas. O diferencial é que ele permite treinar a pronúncia e fluência do idioma com outros usuários, por meio de um sistema de tradução de mensagens e ligações. Um dos serviços permite que pessoas com o mesmo interesse interajam.

Download: Greengow (grátis)

divisoriagizmodo

Crypto Rider


O Crypto Rider pegou como inspiração o Line Rider, só que em vez de desenhar o percurso da corrida, os jogadores disputam em linhas que mostram o rápido crescimento e queda do bitcoin. São nove carros para desbloquear e 10 pistas diferentes.

Download: Crypto Rider (grátis)

divisoriagizmodo

Tem alguma sugestão? Deixe sua dica nos comentários!

Uma versão anterior desse post dizia que o Fluce estava gratuito. A informação foi corrigida, pois o app é pago.