Há muito tempo, em uma cena de smartphone muito diferente da de hoje, você conseguia diferenciar o Android do iOS de uma boa distância. Hoje em dia, não é tão simples, dado o número de recursos e ideias que esses dois sistemas operacionais móveis roubaram um do outro ao longo dos anos. Mas ainda existem algumas diferenças cruciais entre eles.

• O iOS 11 tem uma função secreta para você andar sobre as cidades como o Godzilla
• [Review] O OnePlus 5 é o novo Android que copia o iPhone – de uma maneira muito boa



Não entraremos muito na história de todas as vezes que essas plataformas roubaram as inovações umas das outras, mas talvez você se lembre de algumas delas:

O iOS adicionou recentemente um tipo de botão traseiro, depois de anos de espera, embora ainda não funcione tão bem quanto no Android.

A Siri só decidiu se tornar mais proativa em termos de sugestões e alertas depois que o Google Now mostrou seu sucesso, embora o método do iOS de aprovar individualmente as permissões de cada aplicativo ter se mostrado uma ideia tão boa que o Google copiou no Android Marshmallow. Posto isso, a Apple fez antes de todo mundo a coisa toda de assistente ativado por voz.

Mas não estamos aqui para falar sobre semelhanças, estamos aqui para falar sobre diferenças, e essas são as seis principais.

1) Aplicativos padrão (Android)

sb4ag79a2jfwuw0hpkwv

Imagem: Captura de tela

Faz dez anos que o primeiro iPhone foi lançado, e os usuários ainda não conseguem abrir links em nada além do Safari (ou emails em qualquer outra coisa que não o Mail, ou imagens em qualquer outra coisa que não seja o Fotos) por definição padrão. Enquanto isso, o Android não só possibilita a troca de seu navegador padrão, cliente de SMS ou qualquer outra coisa, ele realmente facilita essa troca.

Nesse estágio, é improvável que a Apple vá enxergar a luz e permitir o controle total de aplicativos de terceiros sobre o iOS, mas ainda podemos sonhar. Obviamente, você pode instalar aplicativos alternativos para praticamente qualquer coisa, além de contar com algumas gambiarras — aplicativos Google, como o Gmail, podem ser configurados para ativarem outros aplicativos Google como o Chrome, se é o que você prefere.

2) Spotlight (iOS)

tfrp6x8fjd0wiftdylb2

Imagem: Captura de tela

O Google é o maior nome quando se trata de busca, então é uma surpresa que a busca do iOS Spotlight, da Apple, seja melhor do que qualquer coisa que você tem acesso no Android. Digite algumas palavras-chave e você consegue resultados da internet, dos seus contatos, locais próximos, arquivos no seu celular e mais. O Google está um pouco melhor do que antes, mas não chegou lá ainda, e, de fato, a Apple tem uma patente de “busca universal” que usou em seu processo contra a Samsung, que pode ser o maior motivo do Google ter ficado para trás.

3) Launchers (Android)

ao4xeehomldbyxppbh1j

Imagem: Captura de tela

Você pode customizar a interface de um dispositivo Android até o último pixel graças ao suporte nativo para launchers, embora os usuários do iOS ainda estejam presos às mesmas colunas de ícones que estão no mesmo lugar desde o começo.

4) Continuidade (iOS)

fk2qhykmgesoiayijjjx

Imagem: Captura de tela

Diga o que quiser sobre a Apple ser tendenciosa com seu próprio software e hardware, mas ela certamente permite uma integração bem boa entre dispositivos e plataformas que o Google não consegue alcançar no momento. Você pode até mesmo copiar e colar entre o seu iPhone e MacBook hoje em dia, contanto que eles estejam usando as versões mais recentes dos sistemas operacionais.

5) Smart Unlock (Android)

dc1ti6mn82fjhoubr3d9

Imagem: Captura de tela

Uma tela travada com código PIN ou com biometria é essencial para qualquer um interessado em proteger seu smartphone e não deveria ser opcional, mas parece que, em algumas horas e lugares, quando você acha que precisa da conveniência acima da segurança extra, é onde o Android está à frente de seu rival (pelo menos até o próximo iPhone sair).

Vá até a seção de Segurança e Smart Lock das Configurações do Android e você poderá desativar o seu código PIN para um lugar em especial, uma conexão a um dispositivo específico, um rosto conhecido, uma voz confiável, ou apenas pelo simples fato de o seu telefone estar com você.

6. iMessage (iOS)

rt8pcfxpomxokrq3vipl

Imagem: Captura de tela

O iMessage não é necessariamente o aplicativo de mensagem preferido de cada dono de iPhone, mas é seguro dizer que faz um excelente trabalho em sincronizar as comunicações por meio de todos os produtos Apple (sem mencionar que bloqueia os usuários ao iOS).

A criptografia existe no próprio aplicativo também, e ficou bem mais simpático no último ano com a introdução da iMessage app store.

Por muito tempo parecia que o Google Hangouts seria a resposta, mas ele foi deixado de lado pelo Allo, que é apenas móvel por enquanto, não suporta mensagens de SMS e não faz criptografia de ponta a ponta como padrão. O Allo tem potencial, mas é tudo o que ele tem até o momento, e o Android poderia muito bem ter seu próprio iMessage logo.

Imagem do topo: Gizmodo