Mesmo pequenino, o teclado virtual do tamanho de um chaveiro ainda é um desperdício de espaço

A possibilidade de projetar um teclado QWERTY completo em qualquer superfície torna a ideia de trocar seu notebook por um tablet um tanto mais plausível. E como o novo projetor-teclado compacto da CTX Virtual Technologies é pouca coisa maior que um isqueiro, ele acrescentaria pouco peso à sua mochila ou bolso. Uma pena que essa […]

https://fbcdn-sphotos-b-a.akamaihd.net/hphotos-ak-ash3/530159_10152102020675717_881445033_n.jpg

A possibilidade de projetar um teclado QWERTY completo em qualquer superfície torna a ideia de trocar seu notebook por um tablet um tanto mais plausível. E como o novo projetor-teclado compacto da CTX Virtual Technologies é pouca coisa maior que um isqueiro, ele acrescentaria pouco peso à sua mochila ou bolso. Uma pena que essa tecnologia beire o inutilizável.

Tecnicamente, ele funciona. No sentido de que teclados virtuais a laser reconhecem seus toques mesmo que você não esteja, de fato, pressionando qualquer tecla física. Mas acontece que eles são incrivelmente sensíveis, lentos e complicados para digitadores por não terem nenhum tipo de referencial tátil. É uma tecnologia muito promissora, mas que até o momento não conseguiu atender às expectativas. E custando US$ 100, o mínimo para esse tipo de equipamento, você ficará melhor sofrendo com os teclados virtuais na tela ou, acredite ou não, com o reconhecimento de voz. Pelo menos essa é uma área onde estamos vendo progressos notáveis acontecendo. [Brookstone via Gizmag]

Sair da versão mobile