Mark Rober, ex-engenheiro da NASA, participou de alguns projetos pequenos enquanto trabalhava na agência espacial – por exemplo, o veículo Curiosity que está explorando Marte. Agora ele está se dedicando a outra ideia: o micro-ondas Heat Map, que permite ver se o alimento está aquecido por igual.

Neste conceito patenteado, uma tela frontal exibe o mapa de calor do alimento, capturado por uma câmera infravermelho embutida na parte superior.

O conceito é realmente simples. O micro-ondas teria uma câmera infravermelho embutida no teto, mirando na sua comida. Enquanto ela aquece, a cor iria do azul para o vermelho e o amarelo, até chegar no branco – que representa a temperatura ideal pré-determinada para o alimento.

Então, ou você tocaria no botão Parar quando sua comida ficasse branca na tela, ou o micro-ondas seria esperto o bastante para saber quando a comida estivesse pronta, e desligaria automaticamente. Rober menciona que o dispositivo poderia se conectar ao seu smartphone para exibir a comida sendo aquecida, e adicionar mais tempo se necessário.

Como a câmera térmica saberia quando a comida está quente por fora, mas fria por dentro? Rober diz ao Gizmodo: “eu me perguntava o mesmo, mas de acordo com todos os meus testes, uma vez que ela esteja uniformemente aquecida do lado de fora, então isso significa que está boa no interior também. Sempre que a comida ainda estava fria ou até mesmo em temperatura ambiente, havia algum tipo de aquecimento desigual do lado de fora”.

E quanto à interferência das micro-ondas na câmera IR? Rober explica: “do ponto de vista científico, eu não imagino que isso seria um problema. Mesmo se fosse, sempre é possível fazer as micro-ondas pausarem por alguns microssegundos enquanto você tira uma foto em infravermelho”.

Rober diz que ajustou o limite superior em que a imagem fica branca na tela: “quando eu configurei a câmera IR para 70°C, parecia ser a temperatura que trazia o nível de calor que estamos acostumados a esperar da comida”.

Para quem quiser ver uma imagem real dos alimentos, em vez de se limitar a uma tela LCD indicando a leitura térmica, isso não é problema: você pode simplesmente alternar entre a visão térmica e um vídeo padrão, de modo você poderia ver sua comida em 1080p.

Rober não vai submeter seu projeto a uma campanha de crowdfunding. Ele tem as patentes, e parece que há investidores interessados – falta provar a eles que as pessoas gostariam de comprar um micro-ondas assim se o preço for justo. Se você quiser manifestar seu interesse, vá até BetterMicrowave.com e adicione seu nome à petição. [Heat Map Microwave]