Com a crescente concorrência – mais recentemente do Android e o novo e promissor WebOS da Palm, como estaria a Microsoft se planejando a ajudar o Windows Mobile a sobreviver no mundo do sistema operacional móvel? Colocando-o em menos aparelhos, naturalmente.

Todd Peters, vice-presidente de marketing do Departamento Windows Mobile, disse que apesar da Microsoft querer ampliar os recursos do Windows Mobile, sua estratégia para este novo ano será limitar o número de aparelhos usando o SO.

Neste momento aproximadamente 140 celulares usam o Windows Mobile. Peters disse que a Microsoft espera reduzir o número para não “ter os seus esforços diluídos por muitos aparelhos”.

 

“Eu prefiro ter menos aparelhos e estar mais focado”, diz ele. “Assim, teremos uma integração melhor entre o telefone e o sistema operacional”.

 

Peters não foi muito claro a respeito do critério que a microsoft usaria para limitar o uso do Windows Mobile. Eles o restringirão aos telefones mais potentes capazes de rodar o Windows Mobile sem lag (marromeno como aquela etiqueta “Vista ready”….só que ‘ready’ de fato) ou será que a Microsoft se esforçará ainda mais para projetar um SO para cada telefone específico que tenha sua licença? [New York Times]