Uma das perguntas que restavam sobre o Microsoft Surface acaba de ser respondida: a Microsoft Store vazou os preços do modelo com Windows RT, que será lançado no dia 26: ele custa US$499 pela versão de 32GB. O preço parece certo para causar impacto.

Com ele, o Surface custa US$100 a menos que o iPad com tela Retina equivalente. O que fazer com esse dinheiro? Comprar o Surface com a Touch Cover, capa que protege a tela e serve de teclado físico.



Ainda há o modelo de 64GB, que custa US$599 (ou US$699 com a capa/teclado). Há duas opções de capa, ambas com teclado: a Touch Cover é capacitiva, enquanto a Type Cover tem teclas que se movem, por isso custa um pouquinho mais caro.

Com Windows RT, esta versão do Surface não roda programas desktop além dos embutidos – o que inclui o Office 2013 – então esta é realmente uma experiência de tablet. Para quem espera o Surface com Windows 8, no entanto, ela deve chegar em alguns meses.

A Microsoft já sugeriu que não seria agressiva em preço com o Surface, vendendo-o por cerca de US$500. Ou seja, eles não devem estar perdendo dinheiro vendendo seu tablet de 10,6″ com apoio retrátil embutido – é o caso do Google e da Amazon com seus tablets a US$199.

Mesmo assim, a Microsoft pode ter acertado no preço, e parece estar confiante: segundo o Wall Street Journal, fornecedores dizem que a Microsoft tem de 3 a 5 milhões de Surfaces para vender.

A pré-venda do Surface com Windows RT deve começar hoje. A Microsoft já começou sua campanha publicitária, com graffiti em algumas cidades dos EUA e Europa e um anúncio na TV americana, que você vê abaixo. [The Verge]