Um grande passo para o homem, mas um pequeno salto para a Motorola: foi lançado o Aura Celestial, versão comemorativa do celular supercaro com cara de relógio, para celebrar os 40 anos da chegada do homem à Lua. A Motorola foi pioneira na área das telecomunicações: criaram o primeiro telefone celular do mundo, fizeram a primeira ligação do Everest e estavam presentes na primeira comunicação da Lua. Pois é: a Motorola foi pioneira.

Em vez de criar, digamos, bons smartphones, celulares com câmera fodona e aparelhos com touchscreen, a Motorola resolveu juntar uns vídeos, fotos e sons sobre a chegada do homem à Lua para relançar um dumbphone de US$ 2.000 por US$ 2.800 — somos terrivelmente contra isso. Não é assim que a Motorola vai voltar aos tempos de glória: parece mais um jeito de relembrar os bons tempos que — se a empresa não agir logo — não voltarão mais. [Motorola]