Em outubro de 1944, a Marinha dos EUA lutava contra a Marinha Japonesa no que ficaria conhecida como a maior batalha naval da história contemporânea. O combate nas Filipinas, que aconteceu durante a 2ª Guerra Mundial, recebeu o nome de Batalha do Golfo de Leyte.

A batalha foi dividida em quatro confrontos: Batalha do Mar de Sulu, Batalha do Estreito de Surigao, Batalha do Cabo Engaño e Batalha de Samar. Agora, pesquisadores encontraram um dos quatro navios americanos que afundaram durante esta última, a de Samar. 

O USS Samuel B. Roberts, apelidado carinhosamente de Sammy B, foi localizado a 6.895 metros de profundidade. A embarcação se tornou o naufrágio mais profundo já descoberto. 

O navio foi fotografado durante o mês de junho por um submarino tripulado da empresa Caladan Oceanic, de Victor Vescovo. A empresa britânica EYOS Expeditions também está envolvida na descoberta. 

Havia 224 tripulantes no Sammy B, dos quais 89 morreram no naufrágio vítimas de ferimentos ou do ataque de tubarões. O navio foi encontrado partido ao meio, embora tenha ainda partes intactas, como canhões e torres de artilharia.

O naufrágio mais profundo identificado anteriormente era o do navio USS Johnston, que afundou cerca de 6.500 metros abaixo do nível do mar. A embarcação, que também lutou no confronto de Leyte, foi identificada ano passado pela equipe de Vescovo.