O que é mais assustador do que uma ligação telefônica vindo de dentro da casa em um filme de terror? Uma ligação vindo de dentro da própria sala de cinema. Essa é a ideia de Last Call, um filme de terror interativo no qual o protagonista liga para um membro da audiência para pedir ajuda.

Mesmo sabendo que os seus esforços são inúteis, espectadores de filmes de terror vivem gritando para os personagens o que eles devem ou não devem fazer. Em Last Call, um novo filme alemão, os personagens finalmente estão dispostos a ouvir.

Os espectadores informam seus números de telefone celular no início da sessão, e, em determinado ponto do filme, um número é selecionado para receber uma ligação do personagem na tela. Um software de reconhecimento de fala reconhece palavras como "fuja", "pare", "esquerda" e "direita", e a história se desenrola baseada nesses comandos. O software é simples, então nem pense em falar "tire a roupa" ou algo assim, seu tarado.

A 13th Street, empresa que produziu o filme, considera o "primeiro filme interativo de terror". Acredito que provavelmente o filme acabe se tornando mais engraçado do que assustador, mas a ideia é interessante. [Jawbone via Maria Popova]