Praticamente todo mundo já apagou sem querer um arquivo que não podia. Se você usa Windows, vai ficar mais fácil de recuperá-lo, já que a própria Microsoft lançou uma ferramenta para recuperar itens deletados.

O Windows File Recovery funciona em linha de comando e recupera arquivos de discos locais, pen drives, cartões de memória e câmeras, e também pode ser útil em caso de discos corrompidos ou formatados. A ferramenta tem dois modos: o modo padrão, que funciona com sistemas de arquivos NTFS, e o modo signature, que funciona também com FAT, exFAT e ReFS.

Para garantir que você vai conseguir recuperar os arquivos perdidos, é melhor usar o Windows File Recovery o mais rápido possível depois de apagar ou formatar o disco, antes que outros arquivos sejam escritos por cima do que foi apagado. Também dá para usá-lo para recuperar todos os arquivos com as extensões MP3, MP4, JPEG, PDF, bem como documentos de Word, PowerPoint e Excel, entre outros.

O Windows File Recovery já está disponível na Microsoft Store e, segundo os requisitos de sistema, é compatível apenas com versões a partir da última atualização do Windows 10, a build 19041.0.

Como lembra o Verge, essa não é a única alternativa da Microsoft para recuperar arquivos. O Windows 10 também conta com o recurso Histórico de Arquivos. Com ele, é possível tanto resgatar itens deletados quanto voltar para versões anteriores de um arquivo modificado.

Infelizmente, o Histórico de Arquivos vem desativado por padrão. Portanto, se você já apagou, não vai conseguir usá-lo. Se você quer ter mais uma garantia, é só seguir estes passos e ativá-lo no seu computador.