A sua conexão é preciosa. Você paga por ela. Deus ajude quem quer que tente roubá-la. O hotspot Karma subverte essa equação totalmente. Compartilhe a sua conexão e os dois, você e o parasita, ganham 100 MB de dados, de graça. É o suficiente para amolecer até mesmo o mais duro dos corações.

Qualquer um com uma conta no Facebook está livre para acessar a sua conexão, sem custos. Então, teoricamente, você poderia carregar o seu Karma pela cidade e acumular gigabytes gratuitos como doces no Halloween. É essa a ideia, não? Se por acaso você ficar sem cota gratuita, pode sempre comprar mais por US$ 14/gigabyte, sem precisar de contrato.

O dispositivo em si é o típico e bonito hotspot móvel. Quando for lançado, custará US$ 69, terá autonomia de 8 horas e rodará na rede 4G WiMAX da Clearwire. Mas a sua conta no Karma independe do dispositivo físico. Isso significa que você pode logar em ter acesso às suas reservas de tráfego onde quer que haja um aparelhinho desses, coisa que pode ser mais comum do que você espera — a empresa planeja firmar acordos com grandes parceiras (como a American Airlines) para ganhar a exposição necessária para construir uma rede de usuários robusta. [Karma via The Next Web]

Ainda não se sabe quando ele será lançado, mas com sorte não deve demorar muito — até lá, porém, mantenha as suas antenas sujas longe desta nuvem! A ideia parece boa no papel, mas e se você você: compartilharia a conexão ou não? Se não, estou curioso para saber: por quê?