Na nova geração da guerra dos portáteis (aquela que a Nintendo e a Sony disputam enquanto a Apple está ocupada ganhando dinheiro), o destaque do Nintendo 3DS é a capacidade de gerar gráficos 3D, enquanto o diferencial do Sony NGP é que ele é humilhantemente poderoso. Quanto exatamente? O IGN fez algumas tabelas comparativas pra gente entender certinho.

Com um processador ARM Cortex A9 Quad Core de 2GHz e uma GPU SCX543MP4+ 800MHz (as velocidades são estimativas baseadas em clocking; a Sony pode alterar essas velocidades usando over ou underclocking), o NGP é seis vezes mais rápido que o PSPGo e nove vezes mais rápido que o PSP normal, modelo 1000.

Comparado ao Nintendo 3DS, cujas unidades de testes já foram elogiadas pela velocidade e qualidade gráfica, o NGP também impressiona. O portátil da Nintendo traz uma GPU DMP Pica 200 a 200MHz e, para facilitar a geração dos gráficos 3D, conta com duas CPUs que, apesar de ainda não confirmadas pela Nintendo, acredita-se serem ARM 11 a 266MHz. Mesmo assim, basta comparar e ver que não chega perto.

No entanto, a comparação mais pertinente seja com os portáteis atuais da Apple, o iPhone 4 e o iPad. Ambos usam o processador Apple A4 (ARM Cortex A8) rodando a 1GHz – ou seja, metade da velocidade do NGP, em um chip de uma linha anterior. Em termos de GPU, outro baile: o NGP é apenas quatro vezes mais rápido do as GPUs SGX535 200MHz.

Não nos precipitemos, porém

Conclue-se que o NGP – ou PSP2, como eu prefiro chamar – tem muito em comum com o iPhone e o iPad pelo fato de usar CPU e GPU novos da mesma família, mas que, em comparação com eles e com o 3DS, tem uma velocidade de processamento multiplamente maior. Se a Sony tinha por objetivo entregar um hardware impressionante e que tenha boas chances de resistir ao teste do tempo, parece ter desbloqueado essa conquista.

O que é necessário lembrar é que a velocidade de processamento é apenas um dos múltiplos fatores envolvidos na qualidade de uma máquina, especialmente uma máquina de jogos. Outros fatores entram na balança, como preço, apoio das desenvolvedoras e experiência de usuário. Nem mesmo na parte técnica de poder bruto dá para confiar 100%, afinal o PS3 também tem mais poder de processamento do que o seu concorrente direto, e mesmo assim apresenta muitas vezes desempenho inferior ao do Xbox 360 em jogos multiplataforma (Bayonetta é um bom exemplo), graças aos outros fatores envolvidos.

Em uma analogia-homenagem aos nosso amigos do Jalopnik Brasil, digamos apenas que o NGP tem o melhor motor da categoria sob o capô, mas vai ter que mostrar muita estabilidade nas curvas se quiser vencer essa corrida.

Qual novo portátil você vai comprar primeiro? [IGNValeu, Guilherme Silva!]