A Motorola liberou o Android 2.2 para o Milestone há duas semanas, para todas as versões do aparelho (vendidos tanto no varejo como nas operadoras). Agora o ZTop faz a comparação: como é sair de uma ROM customizada – a ShadowMOD, para ser mais específico – e ir para o Froyo oficial?

O Jô Auricchio conta no ZTop que, inicialmente, se sentiu “extremamente desconfortável” com o Froyo oficial, porque várias coisas que já vêm na ShadowMOD não estão presentes no Android padrão. Mas nada que umas visitas ao Market não resolvam: ele recomenda alguns apps para aproximar a experiência do Froyo oficial à da ROM customizada, que você pode ver em seu post. Em uma semana com o Milestone atualizado, ele não travou nenhuma vez.

O Jô repara que a duração de bateria diminuiu no Froyo oficial, pelo menos com uso intenso: usando o app nativo de hotspot 3G, o Milestone aguentou 1h40; enquanto na ShadowMod a bateria durava 2h15 fazendo a mesma coisa. Ele ressalta, no entanto, que precisa usar mais o aparelho para decidir se a duração de bateria realmente é melhor na ROM customizada.

O relato completo do Jô está no ZTop. Donos do Milestone, qual a impressão de vocês? Usuários geeks geralmente preferem ROMs customizadas, mas é bom saber que todos os donos de Milestone agora podem ter Froyo só instalando uma atualização da Motorola. Se você instalou a versão oficial, o que achou? [ZTop]