O empresário australiano Craig Wright está desaparecido desde que o Gizmodo e a Wired publicaram investigações paralelas sobre o seu suposto envolvimento com a criação do Bitcoin e a polícia entrou na sua casa. Enquanto o noticiário seguiu em frente em busca de outras histórias, a receita da Austrália certamente não desistiu dele.

>>> Este australiano diz que ele e seu amigo morto inventaram o Bitcoin
>>> Craig Wright, o homem que diz ter inventado o Bitcoin, se “apagou” da internet

O The Australian relata que o Australian Taxation Office (ATO) e a Polícia Federal Australiana “intensificaram as investigações nas últimas semanas.” No momento eles acreditam que Wright esteja morando na Grã-Bretanha, mas ainda estão atrás dele:

A equipe foi entrevistar ex-colegas de trabalho do Sr. Wright em Sydney sobre declarações fiscais que ele fez sobre seus negócios e como um indivíduo, enquanto a ATO vem questionando os sócios sobre supostos negócios feitos através da rede de empresas do Sr. Wright que afirmam ter cerca de US$ 300 milhões em capitalização de mercado em Bitcoin.

Um dos objetivos da investigação é estabelecer quanto em Bitcoin o Sr. Wright possui e se isso está de acordo com declarações feitas em receitas fiscais.

De acordo com o The Australian, as autoridades acreditam que Wright “não é o criador do Bitcoin e que ele criou essa história para criar uma distração para seus problemas fiscais.”

Independentemente dele ter ou não alguma relação com a criação do Bitcoin, a grande questão do momento é: onde está Craig Wright?

[The Australian]